Dúvidas de Português

Enchergar ou enxergar


O uso do “X” e “CH” é um dos maiores erros de português cometido pelas pessoas. Na hora de escrever “enchergar ou enxergar”, essa dúvida fica ainda mais evidente. Afinal, qual a forma correta? Há uma regra específica que explica o que você deve usar nesse caso!

Saiba qual a forma correta: Enchergar ou enxergar?

Ainda não sabe como acertar? Acompanhe a explicação a seguir e nunca mais tenha dúvidas entre “enchergar ou enxergar”.

Enchergar

Escrever o verbo com “CH” está incorreto. A palavra, escrita dessa forma, não existe na língua portuguesa e o seu uso deve ser evitado sempre. Embora a fala seja a mesma da palavra escrita com “X” e o erro aconteça de forma recorrente, a única forma correta continua sendo “enxergar”.

Enchergar ou enxergar?

Enxergar

O verbo “enxergar” faz referência ao ato de ver, observar. Outros sinônimos do verbo podem ser olhar, reparar, etc. Além disso, há uma outra forma de utilizar “enxergar”, como quando ele se refere a uma opinião ou visão sobre algo, uma compreensão ou entendimento.

Confira abaixo os exemplos da utilização do verbo nos mais variados significados:

  • Eu preciso enxergar melhor essa situação toda.
  • Você consegue enxergar onde está a toalha no quarto?
  • Não consigo enxergar o quadro dessa distância!
  • Ele não pode enxergar as pessoas lá de cima?
  • Ele não se enxerga, adora se exibir!
  • Eu nunca vou enxergar você de um modo negativo, pode confiar em mim!
  • Quem pode enxergar os números para mim aqui?

Confira também a conjugação do verbo no Presente do Indicativo:

  • Eu enxergo
  • Tu enxergas
  • Ele enxerga
  • Nós enxergamos
  • Vós enxergais
  • Eles enxergam

Veja também:

Enchergar ou enxergar – X ou CH: qual utilizar?

A dúvida é comum: quando se escreve a palavra com “x” e quando se escreve com o dígrafo “ch”? A utilização de cada um segue algumas regras na língua portuguesa.

A consoante “X” deve ser utilizada sempre após a sílaba “en”, como por exemplo nos casos a seguir: enxuto, enxaqueca, enxame, enxada, etc. Além disso, deve ser utilizada também após a sílaba “me”: mexer, mexilhão, México. Ditongos e palavras com origem indígena também exigem ouso do “x”: caixa, ameixa, peixe, abacaxi, xerife, orixá, xavante, etc.

É claro, contudo, que se tratando do português há exceções às regras. Palavras como encher, enchente, gauche, mecha, encharcar, preencher, entre outras, devem ser escritas com o dígrafo “ch”.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *