<
Dúvidas, Dúvidas de Português

Viram Ou Virão, Demais Ou De Mais e Agente Ou A Gente: Como se escreve?


Dúvida na hora de escrever corretamente? É Viram Ou Virão, Demais Ou De Mais e Agente Ou A Gente ? Descubra neste artigo como se escreve.

Viram Ou Virão

Vamos falar um pouco sobre as formas verbais “viram ou virão”. Duas palavras que existem na nossa língua portuguesa, mas muitas pessoas tem dificuldades na hora de escrever.

A palavra virão é o verbo vir no futuro. Já a palavra Viram é o passado do verbo ver.

Viram ou virão: qual o certo?

Viram ou virão
Viram ou virão

Os convidados VIRAM OU VIRÃO mais cedo para a reunião?

O correto é virão. (FUTURO DO VERBO VIR)

Os convidados VIRAM OU VIRÃO a vítima mais cedo.

O correto é viram. (Passado do verbo ver.)

No geral o (ão) é terminação de verbo no futuro e (am) é terminação de verbo no passado.

Veja as diferenças entre viram e virão?

Para que você entenda a diferença entre essas duas palavras, é muito importante conhecer os verbos irregulares:

Ver (pretérito perfeito do indicativo)

  • eu vi
  • tu viste
  • ele viu
  • nós vimos
  • vós vistes
  • eles viram

Vir (futuro do presente do indicativo)

  • eu virei
  • tu virás
  • ele virá
  • nós viremos
  • vós vireis
  • eles virão

Confira o artigo completo em: Viram Ou Virão.

_____

Demais Ou De Mais?

Demais ou de mais

Você quer demonstrar intensidade em um frase, mas qual a forma correta para isso: demais ou de mais? Qual das duas opções é utilizada como sinônimo de “muito”? E qual seria o significado da outra? Essa é uma das dúvidas mais comuns na língua portuguesa.

Não é raro encontrar textos onde as pessoas desejam expressar intensidade e acabam cometendo erros na ortografia. Na hora da fala você pode não perceber o erro, mas a escrita é que é o problema! Embora a pronúncia seja praticamente a mesma, não é apenas a forma de escrever que se difere.

O significado de “demais ou de mais” é diferente um do outro!

Demais ou de mais: saiba quando utilizada cada uma

Quer saber como acabar de vez com essa dúvida e descobrir quando usar “Demais ou de mais”? Então acompanhe a explicação a seguir!

De mais

Sempre que você pensar nessa locução adverbial, tente substituir o seu significado por “a mais”. Ou seja, ao invés de intensidade, você está se referindo à quantidade, duas coisas bem distintas. Ele refere-se ao oposto de “de menos”.

Confira os exemplos abaixo para entender melhor como utilizar a locução:

  • Ele não falou nada de mais, foi exagero dela.
  • A comida daquele restaurante não tem nada de mais.
  • Ele não tem problemas de mais, nem de menos.

Também recomendamos: Companhia ou compania?

Demais

Muitas pessoas usam “de mais” quando desejam se referir à palavra “demais” e vice-versa. Na verdade, o “demais” junto é o que expressa intensidade, já que ele é caracterizado justamente como um advérbio de intensidade. Entre os seus sinônimos você pode encontrar “muito”, “excessivamente”, etc.

Acompanhe alguns exemplos a seguir para visualizar melhor a diferença:

  • Você come demais!
  • Eu estava cansado demais para sair, desculpe-me.
  • Eles não eram jovens demais, eram da nossa idade.
  • Você gosta demais deste filme, certo?
  • Precisamos demais daquele telefone!

O advérbio também pode ser utilizado em outros casos, como sinônimo de “além disso”:

  • Ele estava em casa, demais, chegaria atrasado de qualquer forma.
  • Não vamos mais falar disso, demais, deixa-me exausto!

Ainda, “demais” pode substituir “os outros” em algumas sentenças, como você pode observar a seguir:

  • Não vá com os demais, ele também estão perdidos.
  • Os demais saberão lhe dizer como vamos até lá.

Agente ou a gente: qual a forma correta?

Agente ou a gente
Agente ou a gente

Para explicar os seus respectivos significados e evitar que você cometa erros na hora de utilizar essas palavras, separamos alguns exemplos sobre a utilização das palavras a gente e agente:

A gente

A expressão a gente é uma locução pronominal que representa de forma informal o pronome pessoal reto “nós”, que se refere a um conjunto de pessoas. Ela é formada pelo artigo definido feminino singular “a”, separado do substantivo “gente”. Essa palavra virou de uso comum principalmente na língua falada, devido a sua informalidade.

Apesar de significar o mesmo que o pronome “nós”, vale lembrar que “a gente” deve ser sempre seguido de um verbo no singular. Por exemplo: na hora de substituir “nós fazemos”, deve-se utilizar “a gente faz”. É importante ressaltar que essa forma só deve ser utilizada em situações informais.

Observe abaixo os exemplos de utilização da palavra “a gente” na língua portuguesa:

  • A gente vai ao parque depois do almoço.
  • No fim de semana passado, a gente foi ao cinema.
  • Se eles não forem, a gente vai igual.
  • A gente almoça lá na próxima semana, combinado?
  • Ele sabe que a gente esteve aqui?

Agente

Com origem no latim agens, essa palavra se refere ao indivíduo que age, opera. Ela pode ser um substantivo ou um adjetivo, dependendo da forma com que é empregada.

Normalmente a palavra “agente” é utilizada para apontar um profissional encarregado de promover uma ação, como um administrador de uma agência, um agente penitenciário ou um agente secreto. Por isso, alguns dos sinônimos podem ser procurador, gestor, promotor, agenciador, intermediário ou negociador.

Um ponto interessante dessa palavra é que ela pode ser utilizada para os dois gêneros sem a necessidade de mudar a sua gramática. Além disso, “agente” possui significados dentro da química como sinônimo de princípio ativo, através dos agentes químicos.

Essa palavra também é utilizada dentro da medicina, como por exemplo através da expressão agente etiológico – o organismo causador de uma determinada doença.

Abaixo você pode entender melhor a explicação através de exemplos da utilização da palavra “agente” na língua portuguesa:

  • A agente secreta completou a missão rapidamente.
  • O agente da polícia conseguiu prender o ladrão.
  • O agente causador da doença de chagas é o Trypanosoma cruzi.
  • Ele é algum tipo de agente especial?

Mais em: Sessão ou Seção?

Agente ou a gente – Quando devo utilizar o nós?

Como foi citado anteriormente, a palavra “a gente” não é nada mais do que uma variação do pronome nós. Portanto, isso depende apenas da ocasião na qual a expressão vai ser empregada.

Por exemplo, se você está em uma conversa com amigos em uma rede social, utilizar a gente é completamente normal. Entretanto, se o intuito é enviar um e-mail formal para uma empresa, utilize o pronome nós para mostrar seriedade e profissionalismo.

É importante lembrar que trabalhos acadêmicos também exigem uma linguagem mais formal, como forma de validação da sua pesquisa. Portanto, não se esqueça: devemos utilizar o “nós” quando fazemos o uso da norma culta e desejamos um ambiente mais formal.

Outros artigos: 


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *