Datas Comemorativas

Proclamação da República


No dia 15 de Novembro de 1889 ocorreu no Brasil, na cidade do Rio de Janeiro (Capital na época) a Proclamação da República, assinada pelo presidente Marechal Deodoro da Fonseca (1827-1892).

A partir deste dia começa o início da Era Republicana e o fim da Monarquia Constitucional Parlamentar. O Brasil República pode ser dividido em cinco fases: República Velha, Era Vargas, República Populista, Ditadura Militar e Nova República.

Veja ainda: Atividades dia da bandeira.

Dia da Proclamação da República

Todos os anos no dia (15 de Novembro) é celebrado o Dia da Proclamação da República, e é um feriado nacional.

Quais foram os motivos que levaram a proclamação da República? Após a Guerra do Paraguai, os militares brasileiros passaram a exigir mais reconhecimento por parte do governo.

Um grupo de militares liderado pelo Marechal Deodoro da Fonseca deu um golpe de estado no Império. Um dos fatos mais importantes que potencializou o movimento republicano foi a abolição da escravatura, através da Lei Áurea, assinada em 13 de maio de 1888.

Atividades escolares sobre o Proclamação da República

Confira nossa lista de sugestões de Atividades educativas que podem ser realizadas em sala de aula junto com os alunos;

  • Propor Desenhos para colorir e colagens (Educação Infantil);
  • Produções textuais com os alunos (Individuais ou coletivas);
  • Confecções de Lembrancinhas e Murais decorativos para sala de Aula (Educação Infantil);
  • Roda de conversa no Pátio da escola ou na sala;
  • Realização de um teatro ou jogral com a turma;
  • Leitura em voz alta com os alunos (A professora começa e em seguida pede para um aluno ler e assim por diante);
  • Hasteamento da Bandeira;
  • Ilustração do Brasil – aspectos positivos e negativos;
  • Painel ilustrado;
  • Leitura de Poesias em sala de aula;
  • Apresentações de Músicas;
  • Reprodução do Hino Nacional/desenho;
  • Cantar Hino Nacional;
  • Apresentação cores da bandeira;
  • Hino da Bandeira;
  • 24 Atividades para imprimir;
  • Entre outras…

Hino da Proclamação da República

A letra do Hino da Proclamação da República foi escrita por Medeiros de Albuquerque, e a música composta por Leopoldo Miguez.

Seja um pálio de luz desdobrado.
Sob a larga amplidão destes céus
Este canto rebel que o passado
Vem remir dos mais torpes labéus!
Seja um hino de glória que fale
De esperança, de um novo porvir!
Com visões de triunfos embale
Quem por ele lutando surgir!

Liberdade! Liberdade!
Abre as asas sobre nós!
Das lutas na tempestade
Dá que ouçamos tua voz!

Nós nem cremos que escravos outrora
Tenha havido em tão nobre País…
Hoje o rubro lampejo da aurora
Acha irmãos, não tiranos hostis.
Somos todos iguais! Ao futuro
Saberemos, unidos, levar
Nosso augusto estandarte que, puro,
Brilha, ovante, da Pátria no altar!

Liberdade! Liberdade!
Abre as asas sobre nós!
Das lutas na tempestade
Dá que ouçamos tua voz!

Se é mister que de peitos valentes
Haja sangue em nosso pendão,
Sangue vivo do herói Tiradentes
Batizou este audaz pavilhão!
Mensageiros de paz, paz queremos,
É de amor nossa força e poder
Mas da guerra nos transes supremos
Heis de ver-nos lutar e vencer!

Liberdade! Liberdade!
Abre as asas sobre nós!
Das lutas na tempestade
Dá que ouçamos tua voz!

Do Ipiranga é preciso que o brado
Seja um grito soberbo de fé!
O Brasil já surgiu libertado,
Sobre as púrpuras régias de pé.
Eia, pois, brasileiros avante!
Verdes louros colhamos louçãos!
Seja o nosso País triunfante,
Livre terra de livres irmãos!

Liberdade! Liberdade!
Abre as asas sobre nós!
Das lutas na tempestade
Dá que ouçamos tua voz!


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *