Datas Comemorativas, Disciplinas, História, Textos e Artigos

História da independência do Brasil


Nesta postagem vamos compartilhar com vocês um pouco sobre a História da independência do Brasil.

O dia da Independência do Brasil é feriado e é a data em que se celebra a emancipação brasileira do reino de Portugal. Este dia é comemorado no dia 7 de setembro.

Mas você sabe qual é a História da independência do Brasil? Confira a seguir:

História da independência do Brasil em vídeo

Nesta videoaula sobre a História da Independência do Brasil o professor do Rozante do Canal “Hexag Medicina” faz uma breve explicação sobre os principais eventos para a independência do Brasil.

Qual a história da independência do Brasil?

A história da independência do Brasil pode ser descrita por um processo de longos quatro anos, de 1821 a 1825. Nesse período de mudança governamental foi caracterizado pela constante violência, que destacava o Reino de Portugal e o Reino do Brasil.

Porém sua história apresenta uma trajetória maior ainda.

Toda a história surgiu junto com a descoberta das terras brasileiras. Em abril de 1500, Portugal decidiu reivindicar as terras como suas.

Período também caracterizado pelo comando das embarcações por Pedro Álvares Cabral

A colonização por sua vez iniciou em 1534 com Dom João III.

Em 1549 o Rei começou a tomar comando das terras, e acabou por atribuir um chamado na época como “Governo-Geral”.

As tribos presentes nas terras ou foram escravizadas ou acabaram sendo exterminadas pelas doenças europeias, a qual não tinham resistência.

Quando a riqueza de açúcar foi descoberta nas terras do Brasil a exportação começou, e junto com ela a escravidão. Houve então a exportação de africanos.

2 séculos foram cravados dessa luta, da escravidão e da diversidade de opiniões que por certo não deveriam existir, ou ao menos o governo daquela época acreditava.

Em 1799 o rei do Brasil também tornou-se o rei de Portugal, isso após a rainha, sua mãe, ser declarada pelos médicos como louca.

E foi em 1801 que as idéias da transferência do governo de Portugal para o Brasil se iniciou.

História da independência do Brasil

História da independência do Brasil – Como começou a independência?

Depois de se negar a voltar para Portugal, as ações de Dom Pedro começaram a desagradar totalmente a burguesia portuguesa. Esse fator ocorre principalmente porque acabaram não tendo liberdade em dar ordens ou reivindicar algo do Brasil. O governo passava-se a ser completamente distinto.

Dom Pedro, então, reuniu a assembléia de constitucionalistas e organizou a marinha de Guerra. Fator que obrigou que todas as tropas portuguesas voltassem a Portugal.

dia da independência do Brasil foi logo após realmente Dom Pedro determinar que nenhuma lei de Portugal seria levada em consideração, sem claramente sua aprovação ou da assembléia dos constitucionalistas.

Confira também: Atividades sobre a Independência do Brasil.

Quais foram os principais fatores que levaram a independência do Brasil?

Dia da Independência do Brasil - 7 de Setembro

Foram com certeza inúmeros fatores que levaram a independência do Brasil, portanto logo quando surgiu em Portugal a Revolução liberal do Porto, surgiu também o movimentos dos constitucionais que foi ressaltado na reunião das cortes.

Onde destacava que quando o Brasil era colônia de portugal o comércio não era livre. Sendo proibido com qualquer outro país.

Em 1808 foi liberado o comércio, portanto, quando a corte retornou a Portugal decidiu proibir novamente.

A nobreza não aceitou já que a fatura e o comércio haviam aumentado grandemente.

Pedro foi pressionado para parar de aceitar as ordens de Portugal. A Inglaterra que fazia constantemente negócios com o Brasil decidiu intervir e também pressionou D. Pedro.

O Rei de Portugal ao saber que todos estavam pressionando seu filho a deixar suas ordens pediu para que o mesmo retornasse.

O Baixo assinado

Pedro que não queria retornar a Portugal reuniu um baixo assinado, que mais tarde mostrou a seu pai dizendo ter tomado a decisão de continuar no Brasil. Um dia que passou a ser conhecido na história como “O Dia do Fico”.

“Se é para o bem de todos e felicidade geral da nação, diga ao povo que fico.”

Como começou a independência?

Depois de se negar a voltar para Portugal, as ações de Dom Pedro começaram a desagradar totalmente a burguesia portuguesa. Esse fator ocorre principalmente porque acabaram não tendo liberdade em dar ordens ou reivindicar algo do Brasil. O governo passava-se a ser completamente distinto.

Dom Pedro, então, reuniu a assembléia de constitucionalistas e organizou a marinha de Guerra. Fator que obrigou que todas as tropas portuguesas voltassem a Portugal.

dia da independência do Brasil foi logo após realmente Dom Pedro determinar que nenhuma lei de Portugal seria levada em consideração, sem claramente sua aprovação ou da assembléia dos constitucionalistas.

Dom Pedro e a preocupação com a economia brasileira

Dia da Independência do Brasil - 7 de Setembro

Dom Pedro ao recusar apoio de Portugal sentiu-se preocupado com a economia do Brasil, sendo assim, decidiu viajar para Minas Gerais e São Paulo, respectivamente, para esclarecer ao povo sua preocupação.

Queria também esclarecer ao povo seus novos projetos para o país, portanto, foi barrado ao receber uma nova carta, que anulava completamente a assembleia constitucional e pedia pelo seu retorno.

Ele estava em Santos, logo ao rio Ipiranga, e foi quando em um grito de guerra, levantando a espada proclamou: “Independência ou morte”.

O dia passou a ser conhecido nacionalmente, como o dia em que Dom Pedro salvou o povo das tiranias de seu pai.

Em dezembro do mesmo ano foi declarado o Imperador do Brasil.

Foi assim que ocorreu o dia da independência do Brasil.

O que o grito de “Independência ou morte” pode mostrar sobre Dom Pedro?

O grito de “independência ou morte” foi um dos principais inícios da “adoração ao povo” em seu nome. Onde mostrava que ele estaria disposto a morrer pelo povo, e melhor, que ele tinha coragem o suficiente para ir contra toda a sua família, contra seus princípios.

O grito de independência o levantou na sociedade brasileira e o tornou um marte para todas as gerações seguintes.

Como se tornou a economia depois da independência do Brasil?

Depois do dia da independência do Brasil até mesmo a economia foi vista diferente. No geral, a economia tornou-se mais aberta.

As negociações com distintos países foi uma das primeiras mudanças feitas após o dia da independência do Brasil.

Portanto grandemente as negociações foram mudadas de foco. Houveram consequência de milhares de mortos nas guerras pela liberdade do povo. Onde acabou por apresentar dificuldades para o país se restabelecer.

Por mais que Dom Pedro abrisse estradas e modificasse um pouco da sociedade brasileira, o povo não conseguia completamente se adaptar às mudanças. O que gerou uma série de conflitos durante anos.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *