<

Dinâmica para o dia dos pais


Selecionamos nesta postagem diversas sugestões de Gincanas, Brincadeiras e Dinâmica para o dia dos pais, que podem ser trabalhadas em sala de aula ou em casa em família.

Você sabia que o Dia dos Pais, assim como o Dia das Mães é comemorado anualmente no segundo domingo de agosto no Brasil? Nesta data, os filhos homenageiam e agradecem aos papais toda a companhia, suporte e carinho recebido ao longo de suas vidas.

Veja também:

Dinâmica para o dia dos pais: Conhecer pelas Figuras

Objetivo:

  • Conhecer pelas figuras.
  • Quebrar gelo

Passos:

  • Espalhar pela sala vários recortes de jornais, revistas, folhinhas, propagandas, etc (as figuras devem ser as mais variadas possível, com temas bem diferentes, para dar maiores possibilidades de escolha aos
    participantes).
  • Os participantes passam diante das figuras, observando-as atentamente. Uma música de fundo para favorecer o clima.
  • Dar tempo suficiente para conhecer todas as figuras, o coordenador dá um sinal e cada participante deverá apanhar a figura que mais lhe chamou a atenção.
  • Formar pequenos grupos e cada participante vai dizer para seu grupo por que escolheu a figura.
  • O grupo escolhe alguém para anotar a apresentação de cada um e expor em plenário.
  • Faz-se um plenário onde o representante de cada grupo apresenta as anotações e a figura que representa o pensamento do grupo.
  • O coordenador faz um comentário final, aproveitando tudo o que foi apresentado e chamando a atenção para aquelas figuras que estão mais relacionadas.

Avaliação:

  • Como nos sentimos ??
  • Que proveito tiramos dessa dinâmica ?

Dinâmica para o dia dos pais: Amigos de JÓ

Dinâmica para o dia dos pais: Amigos de JÓ

O objetivo desta dinâmica para o dia dos pais é desenvolver uma preocupação coletiva para que todos acertem senão o objetivo não será alcançado porquê todos os integrantes do grupo são importantes na execução de uma tarefa .

Material:

  • Um pé do próprio calçado do participante e um lugar onde possa formar um círculo de acordo com o número dos participantes .

Descrição:

  • O ANIMADOR explicará sobre esta antiga brincadeira de passar o objeto ( no caso o calçado ) de acordo com a letra da música:

“Amigos de jó/
Jogava cachangá/
Tira/Põe/Deixa ficar/
Guerreiros com guerreiros fazem/
Zig-Zig-Zá/
Guerreiros com guerreiros fazem/
Zig/Zig/Zá”

Os participantes deverão retirar um de seus calçados, formarem um círculo agachados, colocarem o calçado em frente de si mesmos e quando começar a música todos deverão passar simultaneamente e compassadamente os calçados para o seu respectivo vizinho no sentido anti-horário até quando falar “Cachangá” . Quando falar “tira” todos os participantes deverão pegar o calçado e levantar, quando falar “Põe” deverão abaixar o calçado na sua
própria frente . Quando falar “Deixa ficar” todos deverão largar o calçado em suas frentes e fazer o gesto simbólico de “fica aí” . De “guerreiros” até “fazem” volta a passar o calçado para o vizinho no mesmo sentido
anti-horário e na parte “zig/zig/zá” simultaneamente todos pegam o calçado sem soltá-lo colocam na frente do vizinho, volta na sua frente e deixa na frente do vizinho, isto tudo de acordo com o ritmo da música .

Possíveis questionamentos:

  • Certamente, quanto mais participantes todos perguntarão porquê não conseguem terminar a música com todos acertando a dinâmica ?
  • Você poderá questionar se alguns só faziam a sua parte ou se além da sua parte orientavam seus vizinhos para não errarem

Dinâmica para o dia dos pais para imprimir

Dinâmica para o dia dos pais para imprimir

Dinâmica para o dia dos pais: COMUNICAÇÃO GESTICULADA

Participantes:

  • 15 a 30 pessoas

Tempo Estimado:

  • 30 minutos

Modalidade:

  • Comunicação Gestual.

Objetivo:

  • Analisar o processo de comunicação gestual entre os integrantes do grupo.

Material:

Aproximadamente vinte fichas com fotografias ou desenhos para serem representados através de mímicas.

Descrição:

  • O coordenador auxiliado por outros integrantes deve encenar através de mímicas (sem qualquer som) o que está representado nas fichas, cada qual em um intervalo de aproximadamente um minuto.
  • Os demais integrantes devem procurar adivinhar o que foi representado. Em seguida, deve-se comentar a importância da comunicação nos trabalhos e atividades do cotidiano, bem como do entrosamento dos integrantes do grupo para que juntos possam até mesmo sem se comunicar entender o que os outros pensam ou desejam fazer.

Dinâmica para o dia dos pais: – A Palavra Chave

Dinâmica para o dia dos pais: - A Palavra Chave

Material necessitário: Oito Cartões para cada equipe.

  • Cada um deles contém uma palavra: Amizade, liberdade, diálogo, justiça, verdade, companheirismo, bravura, ideal, etc. Os cartões são colocados em um envelope.

Desenvolvimento:

  • O animador organiza as equipes e entrega o material de trabalho.
  • Explica a maneira de executar a dinâmica. As pessoas retiram um dos cartões (do envelope); cada qual fala sobre o significado que atribui à palavra.
  • A seguir, a equipe escolhe uma das palavras e prepara uma frase alusiva.
  • No plenário, começa-se pela apresentação de cada equipe, dizendo o nome dos integrantes e, em seguida, a frase alusiva à palavra escolhida.

 Avaliação:

  • Para que serviu o exercício?
  • Como estamos nos sentindo?

Dinâmica para o dia dos pais: Olá, como vai?

Objetivo:

  • Quebrar o gelo.

Tempo:

  • 1 hora (dependendo do número de pessoas é possível dividir em grupos e cada grupo realizar a sua dinâmica)

Procedimento:

  • Formar um círculo, com todos os participantes, pedir que cada um se apresente e procure conversar alguns minutos com a pessoa a sua
    esquerda e a sua direita.
  • Pedir que todos mudem de posição aleatoriamente e pedir que após a mudança novamente se apresentem e conversem um pouco e falem sobre as duas pessoas com quem falaram antes.
  • Depois cada membro fala em plenário, em no máximo 3 minutos, se apresenta e fala sobre as 4 pessoas às quais se apresentou.

Confira ainda: Várias ideias de cartões para o Dia dos Pais


Dinâmica para o dia dos pais na escola

Corrida do Saco

Brincadeiras para o dia dos pais
  • Pais e filhos devem correr juntos na corrida do saco. A dupla que chegar ao destino mais rápido, vence. Se cair, levante-se e continue.

Brincadeira do estoura a bexiga:

Brincadeiras para o dia dos pais
  • Consiste em  amarrar bexigas coloridas nas pernas de pais e filhos e ao som de uma música dançante os participantes  tentarão estourar as bexigas dos demais.

Brincadeira do nó do afeto:

Brincadeiras para o dia dos pais
  • Nessa brincadeira filhos e Pais fazem uma roda, dão as mãos aleatoriamente. Depois disso, farão um grande nó. Para sair dessa embolação, não podem soltar as mãos e precisam pensar juntos em estratégias para desfazer este nó.

Não deixe de conferir: Murais comemorativos ao dia dos pais

Dinâmica para o dia dos pais: CASA, MORADOR E TERREMOTO

O objetivo desta dinâmica é fazer com que os jovens que participarão de uma assembléia ou reunião do tipo se soltem e participam mais soltos .

Participantes:

  • De 5 trios para cima mais 2 pessoas . Exemplo: 6 trios (6×3 18 pessoas) + 2 pessoas . Total 20 pessoas .

Tempo Estimado:

  • Até que a mesma pessoa sobre três vezes .

Modalidade:

  • Quebra Gelo.

Material:

  • uma cadeira ou banco e um espaço não muito apertado.

Descrição:

  • O ANIMADOR fica encima da cadeira ou banco explicando para que se formem os trios, sendo que em cada trio ficam duas pessoas, uma de frente para outra, de mãos dadas e a terceira pessoa no meio das duas . Após formado todos os trios, tem que ficar sobrando uma pessoa ( somente uma pessoa ) .
  • O ANIMADOR vai descrevendo os papéis de cada um . Aqueles que estão no trio no meio das duas pessoas serão os MORADORES, os que estão de mãos dadas serão as CASAS e aquele que sobrou deverá, após o comando, fazer parte de uma CASA ou ser um MORADOR . Os comandos: 1.o) Quando o ANIMADOR falar MORADOR, aí os MORADORES de cada trio deverão sair de suas CASAS e procurar outra, aquele que estava de fora aproveitará e procurará uma nova CASA . 2.o)
  • Quando o ANIMADOR falar CASA, as CASAS deverão deixar seus MORADORES e procurar outro MORADOR mas só pode sobrar uma pessoa, se sobrar duas pessoas os integrantes da CASA poderão virar um MORADOR . 3.o) Quando o ANIMADOR falar TERREMOTO aí vai ser uma bagunça geral, tanto os MORADORES quanto as CASAS deverão se desmanchar por completo e formarem novas CASAS e novos MORADORES.
  • Aquela pessoa que sobrar três vezes deverá pagar um mico pré determinado ou não.

Possíveis questionamentos:

  • Vocês se concentraram para entendimento da dinâmica ?
  • Houve algum tipo de vantagem ou combinação, tipo panelinha, para que o amigo mais próximo não sobrasse ?
  • Houve respeito na hora da explicação da dinâmica ?
  • Alguém se preocupou de incentivar os mais tímidos a participarem da dinâmica ?

Brincadeiras e Dinâmicas dia dos pais divertidas

Brincadeiras e Dinâmicas dia dos pais divertidas
Brincadeiras e Dinâmicas dia dos pais divertidas

Telefone sem fio

Número de participantes: a partir de 4
As crianças devem ficar em círculo ou enfileiradas. A primeira cria uma mensagem e fala no ouvido da próxima. A mensagem vai passando adiante, cada um dizendo aquilo que entendeu. O último participante deve dizer, em voz alta, o que ouviu. Se estiver correto, o criador da mensagem vai para o fim.

Mímica

Idade: a partir de 5 anos
Número de participantes: a partir de 4
Divida as crianças em dois times. Um participante deve se dirigir ao grupo adversário, que irá falar alguma palavra. A criança tem três minutos para representar, apenas com gestos, e o time deve adivinhar. O time que acertar mais, ganha.

Boliche

Idade: a partir de 3 anos
Número de participantes: a partir de 2
Faça os pinos com garrafas pet, cheias até a metade. Depois, com uma bola, o jogador deve tentar derrubá-las. Em cada rodada, o participante pode tentar duas vezes.

Morto-vivo

Idade: a partir de 4 anos
Número de participantes:a partir de 4
Coloque as crianças em uma fila. Uma delas (que precisa estar fora da fila) ou você mesmo, fica de frente. Quando disser “morto”, elas devem se abaixar. E quando for “vivo”, elas precisam estar de pé. O condutor deve ir alternando as palavras e a velocidade. Quem errar, está fora da brincadeira.

Bolhas de sabão

Idade: a partir de 2 anos
Número de participantes: a partir de 1
Misture duas colheres de sopa de detergente em um copo de água. Mexa bem e com um canudinho assopre. Quanto mais devagar a criança assoprar, maior ficará o bolha.

Amarelinha

Idade: de 7 a 10 anos
Número de participantes: a partir de 1
Faça o desenho da amarelinha no chão e enumere os quadrados de 1 a 10. A criança joga uma pedra na primeira casa e, em um pé só, a pula e vai até a última. Na volta, pega a pedra do chão. Na próxima rodada, joga a pedra na casa 2 e vai até o fim em um pé só. E assim sucessivamente. Não pode colocar o segundo pé no chão, nem errar a casa.

Estátua

Idade: a partir de 2 anos
Número de participantes: a partir de 3
Uma das crianças é escolhida como o chefe e as outras devem estar posicionadas de frente para ele. O chefe designa qual será a estátua. Pode ser de cachorro, passarinho, gato, cobra… Então, quem está no comando escolhe a estátua mais bonita, mais feia ou mais engraçada. Pode-se também colocar uma música para tocar e quando o chefe aperta o stop, todos param! O chefe vai a cada jogador e os provoca. Quem se mexer, perde!

Brincadeiras para o dia dos pais em casa ou escola

Brincadeiras para o dia dos pais
Brincadeiras para o dia dos pais

Formar as equipes de acordo com o número de pais, ou disputa entre as turmas representadas pelos pais.

MONTARIA

  • Corrida de duplas, de ida e volta. Um jogador fica de quatro enquanto seu filho monta em suas costas. Na ida, vai de frente, na volta, volta de costas, ou seja, não pode virar. Se cair, levanta e continua. Ganha quem chegar primeiro.

BASQUETE

  • Demarcar um quadrado de cerca de 7×7 metros onde as cestas serão distribuídas, a equipe precisa fazer  5 cestas em 3 minutos.

DERRETA O GELO

  • Algumas horas antes do jogo, deverá se encher algumas forminhas de gelo e, antes de levá-las ao freezer, colocar uma pequena peça plástica dentro de cada quadradinho. No momento da competição, cada equipe receberá um cubo de gelo dentro de um copo plástico. O cubo de gelo deve ser derretido conforme a criatividade de cada equipe. A primeira equipe que conseguir derretê-lo e entregar a pecinha, ganha o ponto.

CORRIDA DAS LATAS

  • Separe 2 latas de leite em pó vazias, 2 pedaços grandes de barbante, prego e martelo. Primeiro, faça dois furos, em cada lata. Eles devem ser feito perto de uma das extremidades, em posições opostas da lata. Depois, passe o barbante bem comprido pelos furos e dê um nó para prender na lata, como se fosse uma alça. Coloque as latas no chão, com a parte dos furos para cima e suba nelas. Segurando os barbantes, um representante de cada equipe deverá correr. Quem cruzar a linha de chegada primeiro vence a prova.

Veja mais em: Brincadeiras para dia dos pais

Brincadeiras e Dinâmicas para o dia dos pais em família

Dinâmicas dia dos pais – O PAI QUE CRESCE

Antes da reunião: Montar três quadros de flanelógrafo. Cortar em cartolina três faixas maiores e bem coloridas, em cada uma escrever: COMO HOMEM; COMO CRISTÃO; COMO PAI – são os três lances da escadaria. Em faixas menores escrever cada tópico a ser abordado – são os degraus de cada lance da grande escada. Atrás de cada faixa colar um pedaço de lixa (para aderir à flanela).

Introdução: Dramatizar uma cena de programa da TV com dois personagens: a apresentadora e uma adolescente.

Apresentadora – Vamos sortear o próximo contemplado a participar do programa “Realize todos os seus sonhos”. Aqui está! – (retira um cartão de uma sacola) – O nome da grande contemplada é MARIA DA SILVA!

Adolescente (saindo dentre os assistentes e apresentando-se à frente) – Sou eu!

Apresentadora – Maria da Silva, hoje vamos realizar o seu grande sonho. O que você quer? Uma belíssima casa? Ou prefere três carros importados? Ou um helicóptero? Ou 500 mil Reais em dinheiro? Qual a sua resposta?

Adolescente (pensa um pouco e responde) – Tudo isto é muito bom, mas… O meu sonho, o que eu mais quero é UM PAI!

Dirigente da Reunião (que pode ser a própria apresentadora)

Para os filhos o maior tesouro são os seus pais: o papai e a mamãe. Se uma dessas pessoas não está presente em sua vida, ou falha em seu relacionamento, certamente uma lacuna se formará e muitos problemas acontecerão como conseqüência desta falta. Certamente, é o que está acontecendo com a adolescente que acabaram de ouvir. Mas não basta ter o nome de PAI, é preciso saber SER PAI. E, assim como os pais querem ver seus filhos crescerem, os filhos também desejam que seus pais cresçam. Cresçam como? Cresçam assimilando e incorporando em sua vida os valores morais e espirituais que foram ensinados por Jesus em sua caminhada pela terra. Esta aprendizagem é um processo que se chama santificação, e que se inicia no momento em que entregamos nossa vida a Jesus. Podemos representar este processo por uma grande escada, com três lances. Enquanto vai subindo a escada, cada qual aprende a perseverar, e a perseverança produz esperança, e na jornada da vida, cada degrau representa, cada dia de um viver mais santo.

Desenvolvimento : Enquanto a mensagem vai sendo transmitida, a dirigente irá formando no flanelógrafo a escada que cada pai deve subir – o 1º lance (como homem), degrau por degrau – depois o 2º lance (como cristão), degrau por degrau – e por fim, o 3º lance (como pai).

Dirigente – Analisemos como o pai deve crescer:

1. COMO HOMEM

O pai é cidadão de seu país, presente na sociedade, e por isso deve ser:

ESPERANÇOSO – 1Co 15.19 – É um pai que se preocupa com o bem estar da esposa e dos filhos. Providencia o sustento de sua casa, preocupa-se com a educação dos filhos e com a saúde de todos, para que os seus sejam cidadãos dignos e úteis à nação. Mas o pai não está preso somente a esta vida, a esta pátria terrena. No versículo citado, vemos que nossa esperança deve estar além desta vida. Quantas vezes, você papai, disse ao seu filho, esta semana, que Jesus vai voltar? Que temos um lar no porvir?

HONESTO – Rm 13.8 – A ninguém devemos ficar devendo nada. O homem honesto paga suas contas, não engana a ninguém, e sua honestidade tem início em sua fidelidade a Deus. Ele é fiel em obedecer à Palavra, é fiel nos dízimos e ofertas.

TEMPERADO – Pv 15.1– O pai tem que ter domínio próprio. Não pode ser briguento, nem responder com ira e aos berros. Sua palavra com os filhos e com os demais deve ser agradável e temperada.

ORDEIRO – 1Co 14.40 – Como cidadão responsável, o pai deve acatar as ordens do governo de seu país, obedecer às leis civis, ser promotor da paz e da justiça, reconhecer e respeitar os direitos do próximo.

SINCERO – Sl 101.2b – Um homem que fala a verdade, que tem prazer na verdade. Que não inventa mentirinha, porém o que sai de sua boca condiz com os seus atos.

2. COMO CRISTÃO

É um homem que faz parte de uma Igreja e diante do mundo não se envergonha do evangelho, porque sabe que é o poder de Deus para a salvação de todo o que crê. Esse pai é:

MISSIONÁRIO – Pratica e ensina a seus filhos o “ide” de Jesus. É um homem que prega as boas novas. Prega com sua vida, com seus atos. Você, pai cristão, tem falado a seus filhos sobre a salvação que Jesus dá? O exercício do pai missionário começa em casa.

MODIFICADO – 2Cor 5.17 – Um homem novo, modificado pelo Espírito Santo de Deus, que anda em novidade de vida, cujas ações são santas, diferentes das ações do homem do mundo. Para que seus filhos também se tornem “Novas Criaturas”, o pai tem que testemunhar que Jesus Cristo mudou o seu viver.

OBEDIENTE – Hb 5.8 – O pai, como bom cristão, obedece à lei de Deus. Permanece firme diante das tribulações e tentações deste mundo, seguindo o exemplo de Jesus, que foi obediente até a morte e morte de cruz. E ensina a seus filhos que a verdadeira felicidade está em obedecemos aos preceitos encontrados na Bíblia.

IMACULADO – Mt 5.8 / Lc 6.45– O pai precisa demonstrar que tem um coração limpo. Nunca se envolver em sujeiras e escândalos. Suas palavras devem revelar sabedoria e santidade. Nunca usar termos vãos, que não edificam.

3. COMO PAI

Como age o pai cristão? Como ele deve proceder?

ÍNTIMO – Jo 15.5 – Mostrar ao filho que, mesmo sendo uma pessoa madura, como pai ele depende de Deus, que sem Deus nada faz. Fazer o seu culto doméstico, mostrando sua intimidade com Deus. E também se tornar íntimo do seu filho, a fim de que, nos momentos difíceis, ele não procure soluções fora, mas busque o conselho de seu pai.

AMIGO – 1Pe 3.8 – Em todo tempo o pai deve se mostrar amigo de seu filho.
Procurar compreendê-lo e ser seu companheiro. Juntos devem fazer as lições da escola, passear, jogar futebol, andar de bicicleta, nadar, ir ao cinema… Não é só pai, é mais que isto: é um grande amigo! Mas para ser amigo, é preciso estar presente.

DISCIPLINADOR – Ef 6.4 – Como um pai pode criar um filho na disciplina e na admoestação do Senhor? Primeiramente, estando presente. Há muitos que acham que esta tarefa é “coisa da esposa”. Há pais que nunca perguntaram: “Filho, como foi o seu dia, hoje?” No entanto, ambos, mãe e pai são responsáveis, diante de Deus, pela criação dos filhos. Em segundo lugar, há os que acham que não devem disciplinar, pois isto vai tornar os filhos adultos tímidos e medrosos. Não é o que diz a Bíblia. Basta conferir no livro de Provérbios: 13.24; 22.6; 23.13-14; 29.15.

AMOROSO – 1Jo 4.7 – Nas ações de um pai deve sempre existir amor. No olhar do pai, em sua amizade, até mesmo quando repreende, em tudo o filho deve sentir que seu pai faz por amor. A criança precisa saber que o amor é algo muito bom, pois assim, quando o pai lhe falar de Jesus, que é todo amor, ela entenderá e entregará a Jesus o seu coraçãozinho.

PACIENTE – 1 Ts 5.14 – Nas adversidades, diante dos problemas, pai, seja paciente. Seja paciente para entender seu filho e para ensiná-lo na Palavra de Deus. Se a recomendação bíblica é que sejamos longânimos com todos, tudo deve começar no lar. Quantos pais há que estão sempre em ponto de bala, sempre prontos a explodir? Seja um pai paciente.

CONCLUSÃO

Queridos pais, estes três lances da grande escada da vida que têm de subir, não são vividos separadamente, mas têm que estar entrelaçados em cada dia de seu viver. Que em cada dia de suas vidas vocês possam ser exemplo como homens, como cristãos e como pais.

Que Deus os abençoe dando sabedoria, força e muitas alegrias. Que vocês possam ouvir de seus filhos: “Esse é o melhor pai do mundo, O MEU PAI”!

2ª Parte

Providencie caixas de vários tamanhos, uma deve caber dentro da outra, de forma que a maior contenha todas as outras. Dentro de cada caixa coloque um cartão contendo uma ordem e embrulhe cada uma como para presente.

Dirigente –Vamos convidar, neste momento, alguns pais para estarem aqui à frente e serem homenageados, homenageando assim todos os pais presentes.

Dirigente – Convidamos o pai mais idoso
(Quando este vier à frente, entregue-lhe a caixa maior que contém as outras caixas e peça-lhe que abra o presente)

Ao abrir, encontrará um cartão e a segunda caixa. No cartão, que deve ser lido em voz alta, estará escrito:

“Queira nos desculpar, mas este presente é para o pai mais jovem.”

Dirigente – Convidamos o pai mais jovem

(A dirigente abraça o pai mais jovem, entrega-lhe a segunda caixa e pede que abra)

Ao abrir, o pai encontrará outra caixa e o segundo cartão, onde lerá:

“Queira nos desculpar, mas este presente é para o pai que mais vezes leu a Bíblia”.

Dirigente – Dos pais aqui presentes, qual leu a Bíblia mais vezes? Venha aqui à frente.
(A dirigente parabeniza este pai, entrega-lhe a 3ª caixa e solicita que abra)

Ao abrir, encontra outra caixa e um cartão, onde lerá:

“Desculpe-nos, mas este presente é para o pai que tem mais filhos”.

E, assim por diante, crie outros motivos para homenagear os pais, como por exemplo, “o pai que mais cedo se levantou hoje”, etc. Cada pai participante da homenagem deve receber um presente simples (uma caneta, ou uma meia) e a última caixa deve conter as lembranças especialmente preparadas para aquele dia e o cartão: “Distribua estes presentes entre todos os pais”.

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.