1º Ano, Plano de Aula

Planejamento anual 1 ano


Selecionamos nesta postagem sugestões de Planejamento anual 1 ano do Ensino Fundamental.

Um elemento-chave do ensino eficaz reside no planejamento das atividades de ensino e de aprendizagem realizadas na escola, particularmente na sala de aula. Esse planejamento deve ser feito para cada dia de aula e é parte das responsabilidades profissionais do professor.

Sem ele, os objetivos de aprendizagem perdem o sentido. Por isso, um plano de aula deve conter, ainda que de maneira resumida, as decisões pedagógicas do professor a respeito do que ensinar, como ensinar e como avaliar o que ensinou.

Veja também:

Não se deve esperar que um plano de aula sirva, da mesma maneira, para professores diferentes. Ele é um instrumento individual de trabalho e deve ser desenvolvido para atingir os objetivos de cada turma, em separado.

E nesta postagem selecionamos algumas ideias e sugestões para servir de modelo “Planejamento anual 1 ano do Ensino Fundamental”.


Planejamento anual 1 ano do Ensino Fundamental – Todas as disciplinas em PDF

Este maravilhoso material foi elaborado pela (CEVIVA) confira o link a seguir e baixe em PDF com 36 páginas:


Planejamento anual 1 ano de Ciências

Planejamento anual 1 ano do Ensino Fundamental

OBJETIVO GERAL

Valorizar a importância dos cuidados coma saúde do próprio corpo, para a necessidade de cuidados com a higiene, alimentação, prevenção de acidentes, vacinação, atividades físicas e lazer.

OBJETIVOS ESPECÍFICOS

  • Identificar o homem como um ser vive e se relaciona com outros seres e com o meio ambiente.
  • Identificar os elementos que fazem parte da natureza (animais, plantas, ar, água, solo) e saber preservá-los.

COMPETÊNCIAS E HABILIDADES

  • Aprender a trabalhar em equipe;
  • Analisar criticamente os livros didáticos,
  • Pesquisar, elaborar e ministrar aulas;
  • Criação de materiais didáticos;
  • Utilização de diferentes tipos de metodologia de ensino;

CONTEÚDOS

  • O homem: ser vivo humano e racional
  • Noções das funções vitais,
  •  Identificação, relacionamento (respeito, amizade, limites, postura ética).
  • Interação com o meio ambiente
  • Higiene,
  • Alimentação e saneamento básico.
  • Ambiente
  • Animais
  • Plantas
  • Ar
  • Água
  • Solo

METODOLOGIA

  • Aula expositiva sobre o corpo humano.
  • Músicas sobre as partes do corpo.
  • Desenho das partes do corpo com identificação das suas partes.
  • Utilização de técnicas concretas da identificação das funções dos órgãos dos sentidos.
  • Recortes e colagens dos órgãos dos sentidos.
  • Aula expositiva sobre a origem dos alimentos.
  • Atividades escritas em folhas e no caderno.
  • Cartazes de produtos de limpeza e higiene pessoal, músicas e textos.
  • Apresentar os diversos tipos animais explorando seu habitat e sua classificação.
  • Mostrar aos alunos os diferentes tipos de plantas, levando a identificar as plantas como seres vivos e vegetais.
  • Promover passeios ao redor da escola para verificar vários tipos de plantas existentes.
  • Através de conversa informal, gravuras ou questões orais levar os alunos a concluir que a água é um elemento indispensável para vida.
  • Dramatizações, Dobraduras, Pinturas, Jogos, Brincadeiras, Músicas, Poemas, Poesias…

AVALIAÇÃO

O aluno deverá saber valorizando sua criatividade quanto a buscar e tentar resolver as situações. Avaliação diária através da observação do desempenho das atividades orais e escritas. Atividades no caderno e trabalhos em grupos.

TEMAS TRANSVERSAIS

Meio ambiente, Saúde, Ética, Pluralidade cultural, Educação especial, Temas locais, Consumo.


Planejamento anual 1 ano de Língua Portuguesa

Planejamento anual 1 ano do Ensino Fundamental

Oportunizar aos alunos acesso ao mundo letrado, construindo o processo de alfabetização e letramento, com uma ação pedagógica voltada para situações concretas significativas à realidade dos alunos, de forma prazerosa e lúdica.

OBJETIVOS ESPECÍFICOS

  • Estudar a formação e a utilização do alfabeto na escrita das palavras-compreendendo que a escrita é fonética, através do estudo da ortografia e da gramática.
  • Construir palavras, frases, a partir das sugestões do professor e dos alunos.
  • Compreender a leitura como um processo que envolve a linguagem oral e a escrita

COMPETÊNCIAS E HABILIDADES

  • Respeitar as identidades e as diferenças;
  • Utilizar-se das linguagens como meio de expressão, comunicação e informação; Inferir o sentido de uma palavra ou expressão.
  • Identificar o tema de um texto.
  • Distinguir um fato da opinião relativa a esse fato.

CONTEÚDOS

  • Alfabeto
  • Vogais
  • Junções das vogais Consoantes
  • Sílabas simples letras maiúsculas e minúsculas.
  • Construção de frases.
  • Leitura: Silenciosa, coletiva e individual.
  • Leitura de palavras, frases e textos, envolvendo as mais variadas tipologias textuais tais como: informativo, poético, literatura infantil, jornal.

METODOLOGIA

  • Cantinho da leitura.
  • Historinhas Dinâmicas diversas Poesias Livro didático Revistas.
  • Conversa informal, Jornais, Quadro e giz, Gibis, Bingo, Brincadeiras, Materiais concretos…
  • Dramatização, Cartazes, Rodinha de conversa, Livros literários, Desenho livre, Dvd, Músicas, Filmes, Som, Jogos, Alfabeto móvel, Exposição de objetos, Relógio móvel, Fantoches e etc.
  • Avental de Histórias, Produção de texto, Roleta, Colagem, Recortes, Apresentações, Teatro, Dedoches, etc.
  • Poema, Cantigas, Parlendas, Advinhas, Quadrinhas…
  • História em quadrinho.
  • Oralidade.
  • Sequência lógica das ideias.
  • Ampliação do vocabulário Adequação da linguagem a situação de uso.
  • Identificação do número de sílabas nas palavras.
  • Separação de silabas Discussão oral sobre textos.
  • Elaboração de frases.
  • Interpretação através da elaboração de desenho.
  • Reforço ortográfico.
  • Atividades no caderno em folhas.
  • Recapitulação dos conteúdos apreendidos.
  • Contar história.
  • Quebra-cabeça.
  • Ditados mudo, relâmpagos e visuais.
  • Bingo das letras, palavras e silabas.
  • Boliche de letras.
  • Cruzadinhas.
  • Caça-palavras.
  • Livros de literatura infantis.
  • Jogos diversos.
  • Cartazes.

AVALIAÇÃO

O aluno deverá valorizar sua criatividade quanto a buscar e tentar resolver as situações. Avaliação diária através da observação do desempenho das atividades orais e escritas. Atividades no caderno e trabalhos em grupos.

TEMAS TRANSVERSAIS

Pluralidade cultural, Educação Especial, Temas locais, Consumo, Valores, Saúde, Ética.

RECURSOS

Revistas, livros, tesoura, palitos de picolé, sucatas, dados, lápis de cor, jogos de letras, sílabas, palavras e frases, pinturas, músicas, som, jornais, guaches, pedaços de E.V.A, papeis de diversas cores, botões.

Planejamento anual 1 ano de Matemática

Planejamento anual 1 ano do Ensino Fundamental

OBJETIVO:

Proporcionar o desenvolvimento da percepção da criança e a descoberta de um mundo lógico, repleto de relações, expressões e conceitos matemáticos como: cores, numerais, números, cálculos, entre outros, desenvolvendo agilidade mental.
 
OBJETIVOS ESPECÍFICOS
  • Compreender a construção do número, relacionando-o a noção de quantidade.
  • Interpretar e resolver problemas envolvendo dúzia e meia dúzia.
  • Resolver problemas e operações de adição, subtração, identificando os sinais de mais: + e menos -.
  • Oportunizar noções de medidas de tempo, capacidade, massa e comprimento.
  • Identificar as formas geométricas simples: quadrado, círculo triângulo e retângulo.

COMPETÊNCIAS E HABILIDADES

A matemática é fundamental para a apreensão de conceitos de qualquer natureza e para o desenvolvimento de diversas competências, como:

  • Iniciativa
  • Criatividade
  • Raciocínio lógico
  • Habilidades de análise e senso crítico
  • Disciplina
  • Organização e determinação.
  • Identificar a localização de números naturais na reta numérica.
  • Calcular o resultado de uma adição ou subtração de números naturais.
  • Representar os números através desenhos, jogos e brincadeiras.

CONTEÚDOS

Aprendendo a contar; • Números naturais 99 (no mínimo) • Ordem crescente e decrescente • Adição – Problemas • Sistema de numeração decimal • Subtração Problemas • Dúzia • Números pares e ímpares; ordinais (primeiro, segundo etc.); • Nosso dinheiro; • Horas exatas; • Geometria

METODOLOGIA

  • Dramatização de situações que envolva relações de pertinência com os próprios alunos da classe.
  • Colocar os números na ordem crescente e decrescente
  • Escrita de numerais.
  • Escrita de quantidades através de ilustrações e colagens de materiais concretos.
  • Cadernos, para identificação de quantidades,
  • Representação da adição e subtração da reta numerada, evidenciando a necessidades de contagem dos espaços.
  • Emprego do material concreto (lápis, palito, pedrinhas, números e numerais).
  • Interpretar e resolver problemas envolvendo dúzia e meia dúzia.
  • Interpretação de resolução de problemas de adição e subtração.
  • Resolução de adições e subtrações sem recurso, e com recursos através de passos.
  • Seleção de objetos que usamos ao pares: sapatos meias luvas e brincos etc.
  • Interpretação de conjuntos com números pares e números ímpares de elementos
  • Complementação de tabelas de números pares e impares.
  • Identificação da formas geométricas.
  • Desenhos criativos empregando as formas geométricas.

AVALIAÇÃO

O aluno deverá saber: reconhecer a ordem numérica bem com memorizar os fatos básicos das operações, valorizando sua criatividade quanto a buscar e tentar resolver as situações problemas. Avaliação diária através da observação do desempenho das atividades orais e escritas. Atividades no caderno e trabalhos em grupos.

TEMAS TRANSVERSAIS

  • Educação Especial, Saúde, Ética, Valores, Temas locais, Consumo.

Planejamento anual 1 ano de Geografia e História

Planejamento anual 1 ano do Ensino Fundamental

OBJETIVO

Reconhecer e contextualizar o meio em que vive o aluno. Identificar como as pessoas constroem suas vidas nas relações familiares, no trabalho, nas atividades artísticas, na religiosidade e em outras instâncias que dão significado a sua existência.

OBJETIVOS ESPECÍFICOS

  • Compreender que o aluno vive num determinado espaço.
  • Identificar os meios de transportes e comunicações mais utilizados pelo homem, nos dias atuais.
  • Identificar quem é o aluno.
  • Compreender o que é família e quais são as necessidades básicas do mesmo.
  • Compreender que a escola é uma instituição pública, na qual todos têm direito ao acesso e permanência para se apropriar do conhecimento acumulado historicamente.
  • Identificar as datas comemorativas tradicionais da região

COMPETÊNCIAS E HABILIDADES

  • Compreender a importância do patrimônio cultural e respeitar a diversidade étnica.
  • Compreender o processo histórico de ocupação do território e a formação da sociedade brasileira. Analisar criticamente as implicações sociais e ambientais do uso das tecnologias em diferentes contextos histórico-geográficos.
  • Perceber-se integrante, dependente e agente transformador do ambiente.
  • Identificar características de diferentes patrimônios étnico-culturais e artísticos.
  • Caracterizar as lutas sociais, em prol da cidadania e da democracia, em diversos momentos históricos.
  • Selecionar criticamente propostas de inclusão social, demonstrando respeito aos direitos humanos e à diversidade sociocultural.
  • Investigar criticamente o significado da construção e divulgação dos marcos históricos relacionados à história da formação da sociedade brasileira.

CONTEÚDOS

  • Eu
  • Família
  • Escola
  • Comunidade
  • Meios de transportes
  • Meios de comunicação
  • Profissões
  • Datas Comemorativas

METODOLOGIA

  • Linha do tempo
  • Arvore genealógica
  • Trabalhar a certidão de nascimento
  • Visita nos arredores da escola
  • Álbum da vida
  • Desenhar a família e a crianças
  • Montar um de fatos da criança da família (do batizado ou do nascimento)
  • Mural de profissões
  • Entrevista com pai e mãe
  • Desenho do bairro
  • Palestra com pessoas idosas para contar historias do bairro, do seu tempo de criança.
  • Brincadeiras do passado
  • Brincadeiras do presente
  • Dramatizações
  • Dobraduras
  • Pinturas
  • Jogos
  • Brincadeiras
  • Musicas
  • Poemas
  • Poesias

AVALIAÇÃO

O aluno deverá saber valorizando sua criatividade quanto a buscar e tentar resolver as situações. Avaliação diária através da observação do desempenho das atividades orais e escritas. Atividades no caderno e trabalhos em grupos.

TEMAS TRANSVERSAIS

Saúde, Pluralidade cultural, Valores, Ética, Orientação sexual, Educação Especial, Temas locais, Consumo.

Planejamento anual 1 ano de inglês para imprimir

Planejamento anual 1 ano do Ensino Fundamental

Planejamento anual 1 ano do Ensino Fundamental


Planejamento anual 1 ano de Matemática para imprimir

Planejamento anual 1 ano do Ensino Fundamental


Planejamento anual 1 ano de Português para imprimir

Planejamento anual 1 ano do Ensino FundamentalPlanejamento anual 1 ano do Ensino Fundamental

Planejamento anual 1 ano de ciências, geografia e história

Planejamento anual 1 ano do Ensino Fundamental


Planejamento anual 1 ano de Educação Física para imprimir

Planejamento anual 1 ano do Ensino FundamentalPlanejamento anual 1 ano do Ensino Fundamental


Planejamento anual 1 ano de Português

Planejamento anual 1 ano do Ensino Fundamental

Justificativa:

O ensino de Língua Portuguesa privilegia o desenvolvimento da capacidade de ouvir, falar, ler e escrever e apresentar atividade de produção e interpretação de textos orais e escritos em diferentes situações de uso, sem discriminação de variações linguísticas, tendo os temas transversais como fonte de entretenimento, obtenção de conhecimento e elementos de sustentação.

Objetivo Geral:

Oportunizar a criança a expressão de sentimentos, idéias, opiniões e experiências, bem como valorizar e reconhecer a grandeza de variedades de textos que circula nos espaços, e a sua importância para se obter informações.

Valorizar a leitura como fonte de divertimento, prazer, informação, publicidade, estabelecendo relações, argumentando, concluindo e avaliando, contribuindo assim para a sua formação de cidadãos e agentes de transformações da realidade.

Objetivos específicos:

  • Possibilitar a participação em intercâmbios sociais, desenvolvendo habilidades de falar e ouvir;
  • Desenvolver a habilidade de formular perguntas e buscar respostas;
  • Manifestar sentimentos, opiniões, idéias, buscando clareza e ordenação de frases;
  • Possibilitar a manifestação de gostos, preferências, sentimentos e opiniões relativas aos textos lidos;
  • Incentivar a leitura de diferentes tipos de textos;
  • Utilizar conhecimentos prévios para construir significados na leitura;
  • Estimular a produção de escrita em diferentes situações, coletivamente e individualmente;
  • Analisar relações ou diferenças entre segmentos orais e escritos;
  • Reconhecer regularidades ortográficas;
  • Identificar aspectos relativos à concordância verbal e nominal;
  • Utilizar e combinar adequadamente as letras do alfabeto e caixa alta e cursivas;
  • Explorar textos escritos em letras tipográficas maiúsculas e minúsculas;

Conteúdos:

  • Simbolização;
  • Idéia de representar (falar, gestos, desenhos e escritas);
  • Função social da escrita;
  • Conjunto de símbolos próprios da escrita;
  • Direção de escrita;
  • Espaçamento entre palavras;
  • Articulação correta das palavras;
  • Ampliação vocabular;
  • Apresentação (titulo vocativo, margem, data e assinatura);
  • Translinhamento;
  • Concordância nominal (noções preliminares);
  • Ortografia (R e RR);
  • Ordem alfabética;
  • Letras maiúsculas e minúsculas;
  • Grafema e fonemas;
  • Acentuação;
  • Coesão;
  • Conjunto de uma só vogal;
  • Adivinhas;
  • Pontuação;
  • Linguagem não verbal e verbal escrita;
  • Parônimos e os efeitos produzidos;
  • Desenvolvimento das percepções visuais e auditivas;
  • Jogos de linguagens;
  • Troca de vogais;
  • Tipos de letras;
  • Noções preliminares de personagens e espaço;
  • Ortografia H inicial;
  • Historia em quadrinhos,
  • Receitas;
  • Historias infantis;
  • Bilhetes;
  • Uso da letra cursiva e de caixa alta;
  • Função expressiva do ponto de interrogação;
  • Ortografia RR e SS;
  • Fotografia;
  • Suporte textual de uma fotografia, características físicas e psicológicas da pessoa fotografada;
  • Verbetes de nomes próprios, acrósticos e alta bibliografia;
  • Adjetivos uniformes sem nomenclatura;
  • Utilização de informações oferecidas em verbetes de dicionários;
  • Estrutura de um poema;
  • Poema narrativo e poema visual (características do poema: verbos, estrofes e rimas);
  • Diferentes funções do uso de travessão;
  • Ortografia: uso do U e do L, Ç e C;
  • Propaganda;
  • Função da logo marca e do slogan;
  • Estratégias lingüísticas de persuasão na linguagem publicitária;
  • Contos e charges;
  • Diferenciação entre a fala do narrador e a fala do personagem;
  • Uso da linguagem formal e informal;
  • Identificação: CH, LH, NH, o uso do M antes de P e B e em final das palavras;

Estratégias:

  • Reconstrução de frases e textos com alfabeto móvel;
  • Roda de conversa;
  • Discussões informais em grupo;
  • Relatos de experiência vivida;
  • Debates;
  • Desenhos, pinturas e colagens;
  • Jogos e brincadeiras;
  • Pesquisas;
  • Painéis;
  • Atividades em grupo e individuais;
  • Reestruturação de texto;
  • Reescrita de texto;
  • Escrita espontânea;
  • Cruzadinha com e sem banco de palavras;
  • Exploração de textos diversificados;
  • Leitura de textos variados;
  • Entrevistas;
  • Jogos lúdicos pedagógicos;
  • Contar histórias;
  • Acrósticos;

Avaliação:

Deve ser continua e cotidiana bem como ao longo do processo apoiar-se em instrumento, que leve o aluno a refletir sobre a escrita e a leitura.

Devemos estar a serviço da aprendizagem do aluno, para tanto o professor deve acompanhar o processo de desenvolvimento, percebendo seus avanços e fazendo registros da escrita para encaminhar novas intervenções pedagógicas.

  • Narrar histórias conhecidas e relatos de conhecimento, mantendo o encadeamento dos fatos e sua seqüência cronológica ainda que com ajuda.
  • Demonstrar compreensão do sentido global dos textos lidos em voz alta.
  • Escrever utilizando a escrita alfabética demonstrando preocupação com a segmentação dos textos em palavras e em frases e com a convenção ortográfica.
  • Compromisso na realização das tarefas.
  • Trabalhos em grupos.
  • Tarefas realizadas em casa e em sala de aula.
  • Pesquisas.

Planejamento anual 1 ano de Matemática

Planejamento anual 1 ano do Ensino Fundamental

Justificativa:

A matemática foi construída num processo continuo e acumulativo, formando um corpo de conhecimento, adquirindo raciocínios, abstrações e registros. Assim o ensino da matemática não deve estar fora do contexto histórico, social e cientifico, proporcionando o significado dos símbolos, registros, procedimentos, idéias e raciocínio.

Objetivo Geral:

  • Reconhecer a função social do numero em diferentes situações.
  • Perceber as diferentes formas geométricas presentes em nosso espaço.
  • Identificar diferentes lugares e posições que os objetivos ocupam no espaço localizando-os.
  • Criar seqüências lógicas de objetos, idéias ou ações.
  • Perceber passagem do tempo e identificar algumas unidades de medida, hora, dias, semana.
  • Construir a idéia de numero, relacionando o símbolo à quantidade que ele representa.

Objetivos específicos:

  • Desenvolver o pensamento lógico matemático.
  • Desenvolver a prontidão numérica.
  • Oferecer oportunidade para que a criança possa ampliar seu vocabulário e suas experiências matemáticas.
  • Identificar os conhecimentos matemáticos, como meio para compreender e transformar o mundo a sua volta.
  • Reconhecer diferentes funções dos números.
  • Falar a seqüência numérica.
  • Explorar situações problemas que envolvam a adição e substituição.
  • Reconhecer figuras geométricas planas, quadrado, retângulo, triangulo e circulo.
  • Reconhecer números pares e impares.
  • Associar adição e situação de tirar, comparar ou completar.
  • Utilizar o cálculo mental como recurso na resolução de situações problemas.
  • Cédulas e moedas do sistema monetário.
  • Diferença entre dezena e dúzia.
  • Composição e decomposição nas diferentes ordens.

Conteúdos:

  • Construção de números.
  • Compreensão da organização do SND.
  • Realização de cálculos mentais.
  • Noções de antecessor, sucessor, pares e impares.
  • Comparação, ordenação e composição de quantidades.
  • Desenvolvimento e utilização de procedimento matemático para resolver problemas.
  • Idéia de operação de adição e subtração.
  • Reconhecimento de lateralidade.
  • Calendário como forma de registrar e contar o tempo (dia, semana, meses, anos).
  • Leitura e interpretação de dados e imagens.
  • Realização de contagens por agrupamento.
  • Introdução dos sinais de adição e subtração.
  • Realização de operação (adição e subtração).
  • Identificação de algumas propriedades de forma geométricas.
  • Semelhanças e diferenças entre formas geométricas e objetos do espaço.
  • Leitura e interpretação de dados e tabelas, gráficos e imagens.
  • Construção de formas pessoais de registrar informações coletadas.
  • Utilização da calculadora para realizar operações e conferir resultados.
  • Conhecimento, utilização e estabelecimento de relações entre as unidades de medida e valor.
  • Leitura, interpretação e produção de escrita numérica.
  • Identificação de critérios utilizados na organização de seqüência.
  • Conhecimento e utilização da unidade de medida do tempo (hora).
  • Exploração da noção do tempo, uma hora ou mais.
  • Realização de operação compreendendo seu significado (adição, subtração, multiplicação, divisão).
  • Utilização de estimativa como recurso para analise e previsão de resultados.
  • Leitura e interpretação de dados e imagens.
  • Registros de informações de um gráfico.
  • Conhecimento e utilização das unidades de medidas de comprimento (M).
  • Introdução do sinal de multiplicação.
  • Interpretação e composição das figuras simétricas.
  • Utilização do relógio como instrumento para medir a grandeza do tempo.
  • Introdução do sinal de divisão.
  • Conhecimento e utilização da unidade de medida de massa (Kg).
  • Utilização de instrumento arbitrário para medir.

Estratégia:

  • Corrigir a lição de casa.
  • Dramatizar situações de compras e vendas de mercadoria.
  • Propor e corrigir problemas.
  • Ler o texto, propor e corrigir as atividades complementares conhecendo a calculadora.
  • Resolver problemas que envolvam medida de tempo.
  • Jogos lúdicos pedagógicos.
  • Trabalho em grupo.
  • Propor divisões utilizando materiais concretos (palito, botões, tampinhas,…)
  • Utilizar relógio de cartolina para marcar alguns horários e efetuar a leitura.

Avaliação:

A avaliação acontece segundo um critério e este deve estar vinculado a um conteúdo, bem como o planejamento e a metodologia de ensino visa desenvolver no aluno, raciocínio, reflexão e estabelecimentos de relações por parte do professor para uma melhor formação do aluno. Ela deve ocorrer ao longo do processo, não havendo espaço para ser realizada apenas em determinados momentos.

  • Interesse e participação.
  • Trabalho em grupo.
  • Compreensão dos conteúdos propostos.
  • Assiduidade e compromisso na realização das tarefas.
  • Tarefas realizadas em casa e em sala de aula.

Planejamento anual 1 ano de História

Planejamento anual 1 ano do Ensino Fundamental

Justificativa:

O estudo e o ensino as historia estão direcionados para o desenvolvimento de um aprendizado críticos dos movimentos humanos em seu devido tempo e lugares, numa visão que respeita a cultura de cada personagem da historia. Promove ainda de uma serie de discussões e pesquisa sobre os temas atuais que fazem parte da cultura histórica da sociedade brasileira bem como outros povos e nações.

Objetivo Geral:

  • Identificar o próprio grupo de convívio e as relações que estabelecem com outros tempos e espaços.
  • Conhecer e respeitar o modo de vida de diferentes grupos sociais, em diversos tempos e espaços em suas manifestações culturais, econômicas, políticas e sociais, reconhecendo diferenças e semelhanças entre eles.
  • Desenvolver a capacidade de interpretação critica dos fatos e das situações reais.

Objetivo Específicos:

  • Tomar conhecimento de si, próprio a partir de registros de conhecimentos que fazem parte de sua historia de vida.
  • Reconhecer a sucessão de acontecimentos, no tempo registrando a sua própria historia.
  • Elaborar coletivamente normas de convivência em sala de aula.
  • Levar os alunos a conhecerem a historia de índios (crenças e costumes).
  • Saber identificar costumes indígenas.
  • Relatar como os índios vivem atualmente no Brasil.
  • Desenvolver a criatividade.
  • Reconhecer o valor do brinquedo no mundo da criança, as brincadeiras preferidas dos alunos.
  • Confeccionar brinquedos.
  • Promover desfiles de moda e momentos criativos de brincadeiras.
  • Identificar os diferentes grupos de crianças meio urbanas e rurais.
  • Desenvolver atitudes de respeito.

Conteúdos:

  • A criança e a percepção do tempo.
  • A criança e o reconhecimento da fase em que ela se encontra.
  • As formas de viver das crianças que moram no meio urbano, no meio rural e nas aldeias indignas.
  • O modo de viver dos alunos.
  • Algumas atividades realizadas pelas crianças no passado.
  • Diferença e semelhanças entre alguns aspectos da vivencia do passado e das crianças do presente.
  • Atividades realizadas pelos alunos.
  • A criança e a percepção do tempo.
  • A organização temporal das crianças na atualidade.
  • A organização da rotina da criança.
  • Alguns brinquedos e brincadeiras indígenas do passado e da atualidade.
  • Brincadeiras e brinquedos tradicionais e suas origens.
  • Semelhanças e diferenças entre brinquedos atuais e do passado.
  • A criança e suas brincadeiras e brinquedos.
  • Formas de se vestir em diferentes tempos.
  • A importância da moda para determinamos contextos históricos.
  • Construção de uma moda especifica para diferentes ocasiões.
  • Características da alimentação indígenas.
  • O problema da fome no Brasil.
  • Alimentos típicos de diferentes regiões brasileiras.
  • Hábitos alimentares de hoje e de outros tempos.
  • Diferentes tipos de moradia.
  • O espaço domestico no passado.
  • Algumas necessidades que surgiram no decorrer do tempo e influenciaram a transformação de moradias.
  • Algumas características de habitação indígenas.
  • O espaço domestico do aluno.
  • Diferentes manifestações festivas o passado no Brasil, no passado e no presente.
  • Organização de uma festa.
  • Ritmos atuais e antigos.
  • Danças e musicas características de algumas religiões do Brasil.
  • A música na atualidade.

Estratégia:

  • Observação.
  • Opinião.
  • Demonstração de gravuras.
  • Representação através de teatro.
  • Textos coletivos.
  • Brincadeiras.
  • Utilizar diferentes tipos de meio de comunicação.
  • Trabalho em grupo.
  • Contos, mitos, fábulas e casos que os alunos conhecem.
  • Passeios.

Avaliação:

Podemos dizer que a história deve levar o aluno à compreensão do processo histórico, estabelecendo relação entre passado e o presente, tendo em vista a formação de um aluno critico e participante, discutindo, comparando, identificando e ampliando.

  • As relações com o passado e o presente.
  • As noções de semelhanças; mudanças; permanência; continuidade; etc…
  • Trabalho em grupo.
  • Tarefas em casa e em sala de aula.
  • Pesquisas.
  • Participação e interesse nas atividades propostas.

Planejamento anual 1 ano de Ciências.

Planejamento anual 1 ano do Ensino Fundamental

Justificativas.

O objetivo da proposta da Ciência é a transmissão de conhecimento que possibilitam ao aluno compreender o mundo onde vivem, ou seja, ele deve apropriar-se de informações, estudar e refletir as ações segundo as necessidades que lhe asseguram a sua sobrevivência.

Objetivo Geral:

  • Compreender a natureza como um todo dinâmico, sendo o ser humano como parte integrante e agente de transformação do mundo em que vive.
  • Perceber que a ciência não é um conjunto de conhecimentos preestabelecidos, mas que se modifica ao longo do tempo.
  • Desenvolver o pensamento lógico e o espírito crítico, utilizando para identificar e resolver problemas, formular perguntas e hipóteses, testar e discutir, a fim de explicar os fenômenos naturais.

Objetivos Específicos:

  • Desenvolver o conceito de ambiente como tudo o que cerca os seres vivos e os não vivos.
  • Identificar as fases da vida das plantas.
  • Conhecer algumas plantas ao ambiente em que vivem.
  • Conhecer a relação entre flor e a formação de sementes.
  • Reconhecer outras formas de reprodução dos vegetais.
  • Reconhecer que existem diferentes tipos de raiz.
  • Compreender o movimento aparente do sol.
  • Discutir as diferentes rotinas entre noite e dia.
  • Possibilitar a compreensão da relação entre luz e sombra.
  • Identificar em algumas raízes na alimentação.
  • Identificar algumas folhas utilizadas na alimentação.
  • Planeta Terra: movimento dia e noite.
  • Seres vivos no ecossistema-relação com o meio ambiente.

Conteúdo:

  • Movimento aparente do sol.
  • Movimento de rotina da terra em relação ao sol.
  • Variações da sombra no decorrer do dia e sua relação com as horas.
  • Adaptação dos seres vivos entre dia e noite.
  • Instrumentos construídos pelos seres humanos para medir o tempo (relógio sol).
  • Características comuns entre diferentes ambientes.
  •  Preservação do ambiente para a manutenção da saúde e da qualidade de vida.
  • Os componentes vivos e não vivos existentes nas cidades-ecossistemas construídas pelos seres humanos.
  • Características gerais da planta: raiz, caule, flor, fruto, semente.
  • Condições necessárias a germinação das sementes.
  • Importância das plantas em diferentes ambientes.
  •  A importância das áreas verdes de uma cidade para a manutenção da saúde da população.
  • Árvores brasileiras ameaçadas da extinção.
  • Queimadas, uma das causas da extinção de espécies de plantas.
  • Relação das plantas e outros seres vivos.
  • Importância dos vegetais na alimentação como fonte de nutrientes para a saúde humana.
  • Plantas tóxicas.
  • Plantas utilizadas pelo homem para a alimentação, ornamentação, temperos e medicamentos.
  • Cultivas de vegetais em horta e pomares.

Estratégias:

  • Confecções de cartazes.
  • Trabalho em grupo.
  • Estabelecer comparações.
  • Pesquisas.
  • Experiências.
  • Observações.

Avaliação:

O objetivo da proposta da Ciências é a transmissão de conhecimento que possibilitem ao aluno compreender o mundo onde vivem, ou seja, ele deve apropriar-se de informações, estudar refletir suas ações, segundo as necessidades que lhe asseguram a sua sobrevivência. Nesta perspectiva, a avaliação deverá estar diariamente relacionada aos conteúdos e metodologia adorados.

  • Compreender a estrutura e o funcionamento dos diferentes ecossistemas e entender que o homem é parte integrante da natureza e com ela interage, garantido a sua manutenção e preservação.
  • Trabalho em grupo.
  • Tarefas realizadas e casa e em sala de aula.
  • Pesquisas.
  • Participação e interesse nas atividades propostas.

Planejamento anual 1 ano Geografia

Planejamento anual 1 ano do Ensino Fundamental

Justificativa:

A Geografia como a Ciência estuda o espaço geográfico, entendido como produtos das relações entre o ser humano e o meio, ele é o resultado das forças de transformação das ações humanas sobre o meio.

Desta maneira, nos educadores devemos optar por uma geografia critica que explica o espaço geográfico com o espaço social construído em todos os momentos da historia.

Objetivo Geral:

Conhecer a organização do espaço geográfico e o funcionamento da natureza em suas múltiplas relações, de modo a compreender o papel das sociedades e sua construção na produção do território da paisagem e do lugar.

Objetivo Especifico.

  • Incentivar o aluno a ler os espaços, partindo dos lugares que lhe são mais próximos: a escola e a casa.
  • Saber utilizar a linguagem cartográfica para obtê-lo informações e representar a espacialidade dos fenômenos geográficos.
  • Identificar dados pessoais relacionados à sua pessoa.
  • Reconhecer-se como ser o ultimo atuante a sociedade em que se vive.
  • Usar seus conhecimentos para interferir no mundo do qual faz parte.
  • Levar o aluno a reconhecer seus sentimentos respeitando os sentimentos do próximo.
  • Organizar o espaço físico da sala de aula colocando cartazes com os nomes dos objetos.
  • Analisar os sentimentos que tem com relação ao ambiente escolar.
  • Localizar no globo ou mapa os países de origem dos pais e dos avós.
  • Relacionar os dias e as noites ao movimento da Terra em torno de si mesma.
  • Levar o aluno a entender que o tempo varia de acordo com as estações do ano.
  • Idéia de representação do espaço.
  • Inclusão continuidade do espaço familiar e escolar no espaço universal.
  • Identificar diferentes tipos de famílias.
  • Reconhecer os elementos.
  • Promover debates sobre diferenças e semelhanças em diferentes ambientes.

Conteúdos:

  • Mapeamento da sala de aula.
  • Diferentes espaços tendo com referencia a sala de aula.
  • Noções de tamanho e distancia.
  • Organização da sociedade; grupos sociais.
  • Relacionamento com outras organizações.
  • Identificação de diferentes objetos da sala de aula e sua natureza.
  • Reconhecimento da natureza como provedora da matéria prima dos objetos usados na sala de aula.
  • O ser humano, um agente transformador da natureza.
  • Regras da sala de aula.
  • Reconhecimento do estudo como um trabalho.
  • Alfabetização cartográfica.
  • Ponto de referencia da escola.
  • Identificação da escola como um grupo social.
  • Orientação nos arredores da escola.
  • Elementos naturais e culturais presentes na paisagem dos arredores da escola.
  • Diferentes modos de vida.
  • Orientação no trajeto entre a casa e a escola.
  • Modificações que as paisagens sofrem com o decorrer do tempo e as marcas que ficam do passado.
  • Evolução tecnológica.
  • Elementos naturais e culturais e a paisagem que compõe o trajeto entre a casa do aluno e a escola.

Estratégia:

  • Observar a variação dos costumes familiares de acordo com o tempo.
  • Desenvolvendo habilidades de leitura cartográfica.
  • Paisagem.
  • Fotografia.
  • Painel.
  • Pesquisa.
  • Roda de conversa.
  • Atividade em grupo.
  • Mapas.
  • Historias em quadrinhos.
  • Jornais, revistas…
  • Construção de cartazes.
  • Maquetes.
  • Registros de direitos e deveres do cidadão.

Avaliação:

Cabe ao professor despertar s alunos o gosto por uma ciência que tanto contribui para a formação de cidadãos plenamente conscientes, participativos, responsáveis e comprometidos.

Observando o desempenho de cada um quanto ao domínio e utilização dos conceitos, categorias, informações relacionadas ao conhecimento geográfico.

Verificar se o aluno é capaz:

  • Reconhecer a relações de convivência as diferentes comunidades.
  • Reconhecer a importância da cooperação e da participação em atividades.
  • Aplicar na vida diária, princípios básicos de planejamento e execução.
  • Trabalho em grupo.
  • Tarefas realizadas em casa e em sala de aula.
  • Pesquisas.

8 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *