Energia hidrelétrica

Energia hidrelétrica é o aproveitamento da energia cinética contida no fluxo de massas de água.


A energia hidrelétrica é a utilização da energia cinética no fluxo de massas de água.

A energia cinética move as pás das turbinas que fazem parte do sistema da usina hidrelétrica, para depois ser convertida em energia elétrica pelo gerado.

Usina hidrelétrica

A usina hidrelétrica é um sistema com equipamentos que geram energia elétrica utilizando-se da massa de água de um rio. Isso acontece pela vazão hidráulica e o acúmulo de água existente em desníveis ao longo do rio.

Os desníveis podem ser compostos por cachoeiras ou barragens feitas para formação de reservatórios. Existem dois tipos de reservatórios: os de acumulação que geralmente são os formados nas cabeceiras dos rios.

Pela grande quantidade de quedas d´água, ficam em grandes reservatórios. E também tem os de fios d´água que utilizam a velocidade da própria água do rio para gerar a eletricidade sem muito acúmulo de água.

Como funciona

Para que uma hidrelétrica funcione e gere a energia, precisa existir uma integração da vazão do rio, do desnível existente no terreno e a quantidade de água disponível.

A hidrelétrica e composta por:

Barragem

A barragem tem a finalidade de interromper o fluxo natural do rio para criação de um reservatório. O reservatório tem a função de estocar a água, criar desníveis e regularizar a vazão de rios em período de chuva e de estiagem.

Sistema de captação de água

É formado por túneis, canais e condutores metálicos que levaram a água até a casa de força.

Casa de força

Aqui estão as turbinas que são conectadas ao gerador. O movimento destas turbinas transformam a energia cinética em energia elétrica.

Canal de fuga

O canal de fuga é o curso das águas após passadas pela turbina voltando para o leito natural do rio. Este canal está entre a casa de força e o rio.

Vertedouro

O vertedouro libera a água excedente sempre quando o reservatório ultrapassa o limite recomendável. Isto geralmente acontece em períodos de chuva.

Impacto da usina hidrelétrica

No século XIX, foi construída a primeira hidrelétrica do mundo. Foi nas cataratas do rio Niágara, entre os Estados Unidos e Canadá na época em que o carvão era o combustível principal.

A energia hidrelétrica é uma energia renovável, mas dados da Aneel mostrou que sua relevância na matiz elétrica mundial é pequena e a tendência é diminuir ainda mais.

Um impacto considerado negativo na implantação de uma usina para gerar energia hidrelétrica é a mudança da rotina da população onde vai ser construída.

Como geralmente são locais mais afastados da cidade grande, a população geralmente é composta de comunidades ribeirinha e índios que dependem dos recursos naturais desta região.

Veja também:

Energia limpa

A energia hidrelétrica é considerada limpa por não queimar combustíveis fósseis, mas a usina hidrelétrica emite dióxido de carbono e metano, que prejudicam contribuindo para o aquecimento global.

Extinção de plantas e animais

Onde é formado um reservatório há morte de plantas que para alguns animais, são seu principal alimento. E o represamento destas águas, muda o habitat ao seu redor.

Solo inutilizável

O solo utilizado como reservatório se torna inutilizável para outros fins. Se o solo apresenta um desnível baixo, uma quantidade maior de massa de água será armazenada o que vai exigir uma área maior para o reservatório.

Mudança do sistema hidráulico do rio

O rio tem um sistema natural de descarga, velocidade da água, carga de sedimentos e características do leito.

Quando o reservatório é construído, este equilíbrio é alterado mudando a ordem de represamento, a área do entorno do rio e no leito eu fica abaixo da represa.

Capacidade X quantidade

Existe a diferença entre a quantidade de energia que a usina pode produzir e a capacidade da estrutura instalada. A quantidade de energia vai depender da vazão da massa hidráulica.

Uma usina com potência para produzir muita energia com um rio que não tem grande vazão é um inevitável fracasso.

Hidrelétricas brasileiras

O Brasil detém o maior potencial de energia hidrelétrica do mundo. A primeira usina foi construída em 1949, a Paulo Afonso I, na Bahia. Seu potencial era de 180 MW. Na atualidade o complexo tem 4 usinas.

Também tem a hidrelétrica de Balbina, no rio Uatumã no Amazonas que devido à pouca vazão do rio, produz uma capacidade de 109,4 MW, bem abaixo da capacidade considerada normal que seria de 250 MW.

Itaipu é a 2ª maior usina do mundo. É construída no estado do Paraná entre as divisas do Brasil e Paraguai. Ela abastece nosso país com 7 mil MW equivalente a 16,8% de energia consumida em nosso país.

A usina do Tucuruí está no rio Tocantins no Pará e pode produz 8.370 MW. Também existe a usina hidrelétrica em Belo Monte, no Pará que tem capacidade de produzir 11.233,1 MW. É a 3ª maior hidrelétrica do mundo e 100% nacional.

Recomendamos também: Energia potencial elástica.

Vídeo Aula sobre a Energia hidrelétrica

 


você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.