<

Histologia


A histologia é o estudo dos tecidos, histo vem de tecido e logos de estudo e teoria, essa ciência estuda os tecidos do corpo humano e como se organizam para constituir os órgãos, já na área biológica os vegetais e animais também são estudados, os estudos direcionam para sua estrutura, composição e função dos tecidos vivos.

HISTOLOGIA HUMANA

O Corpo Humano é formado por tecidos que podem sem classificados em: tecido epitelial, conjuntivo, muscular e por ultimo tecido nervoso, esses tecidos também estão presentes em animais, os vertebrados como (peixes, anfíbios, repteis, aves, mamíferos) fazem parte dessa cadeia.

Tecido Epitelial:

A principal função desse tecido é evitar o ressecamento e a perda de água, pois funciona como espécie de barreira que bloqueia agentes infecciosos, isso acontece pelo fato do tecido ter em sua composição células próxima, ou seja, há ausência de espaços entre elas, formando essa barreira de proteção, alem disso protege contra substancias químicas, agressões físicas, e micro- organismos. O tecido Epitelial é também conhecido pela sua grande renovação celular.

Esse tecido recobre áreas importantes do corpo, externamente (epiderme e córnea) e superfície interna dos órgãos, órgão denominados ocos, como (ouvido, nariz, pulmão, útero, boca, entre outros)

A epitelial é essencial para o corpo humano, pois também é responsável por formar glândulas importantes, como fígado, glândulas, pâncreas, etc.

Kit de Alfabetização Só Escola

Tecido Conjuntivo:

O tecido Conjuntivo, como o próprio nome já diz, é um tecido de ligação que age diretamente no sustento e preenchimento das estruturas do corpo. Diferentemente do Tecido Epitelial, que em sua estrutura as células são extremamente juntas, o tecido conjuntivo as células são separadas, há um espaço entre elas, outra diferença importante, é que a própria não produz tanta renovação celular igual o tecido Epitelial, sendo uma quantidade bem baixa.

A principal função do tecido conjuntivo é na região dos órgãos, sua função é separar e unir ao mesmo tempo, o tecido tem a capacidade também de fazer com que as células retirem seus nutrientes e coloquem os resíduos através do liquido intersticial que é produzido pelo mesmo.

É obrigatória que abaixo do Tecido Epitelial, tenha o Tecido Conjuntivo, isso possibilita o funcionamento das suas funções de forma satisfatória.

Kit Educação Especial

O tecido Conjuntivo pode ser denominado por materiais e tipos de células, cada uma com sua função: Tecido Conjuntivo (Frouxo ou denso), Tecido Hematopoiético, Tecido Cartilaginoso, tecido adiposo, e por ultimo, tecido ósseo, que será tratado no próximo artigo.

Como vimos, o tecido Conjuntivo é muito rico em células importantes para o corpo humano, podemos citar as adipócitos, fibroblastos, macrófagos.

TECIDO MUSCULAR

Muitos se perguntam como é feita a contração dos músculos, eis a hora da resposta, essa contração acontece através de células especificas para essa função, possibilitando os movimentos, produção de calor, e manutenção postural estática e dinâmica, isso acontece pela presença das proteínas Actina e Miosina.

Kit Educação Especial

Outro ponto importante a destacar é que diferentemente dos tecidos citados acima, o tecido muscular não produz renovação celular, esse tecido também é delineado por Liso, Estriado Cardíaco e Esquelético.

TECIDO NERVOSO

As células presentes nesse tecido são os neurônios, formadas por células nervosas, alem dessas células, há também células protetoras e de sustentação, denominadas neuroglias, palavrinha estranha, não é? É também formado pela célula da glia, Além disso, não possui renovação celular, como o tecido muscular.

A imagem a seguir representa um exemplo de tecido nervoso:

Kit Educação Especial
exemplo do tecido nervoso
exemplo do tecido nervoso

Neurônio: Núcleo de 3 células importantíssimas, dendritos, corpo celular, axônio

Celular Glia: Células pequenas, de grande quantidade, situadas ao redor dos neurônios, têm como função nutrir, sustentar, e principalmente protegê-lo.

Veja também: Fagocitose

Kit Educação Especial

HISTOLOGIA VEGETAL:

A histologia vegetal diferencia um pouco do estudo humano e animal, a mesma estuda os tecidos vegetais, esses tecidos são células, células que apresentam a mesma função no tecido, ou seja, são células similares, essas células formam folhas, raízes, caules e outras funções. Os tecidos em sua conjuntura podem ser subdivididos em: Tecidos meristemáticos ou meristemas e tecidos adultos.

O tecido meristemático primário, tem como função a formação de tecidos e órgãos vegetais no embrião, construindo o caule e a raiz através da meristema apical, esse meristema desenvolve o crescimento e o  desenvolvimento da planta, quando isso acontece ocorre o aprofundamento no solo, esse aprofundamento necessita de uma proteção, essa proteção vem da  coifa.

Os tecidos Meristemáticos secundários têm com função pela espessura no seu crescimento, esse tecido tem em sua estrutura uma célula já madura que voltam para o estado inicial, ou seja, o embrião, para readquirir a divisão, esse processo é denominado desdiferenciação celular

Já a histologia adulta, tem como função manter as células em diferentes formas e funções, denominadas tecidos permanentes.

Diferentemente dos animas, que correm e se escondem para se defender de agressões externas, as plantas não tem essa defesa, elas se defendem a partir de revestimentos protetores, como a epiderme e o súber, ambas forma uma barreira protetora contra agentes agressivos.

  • Súber: É formado por troncos e raízes, tem uma super função de proteção, e um excelente isolante térmico, pois tem a capacidade de proteger contra a evaporização, elas se localizam principalmente em vegetais em processo de crescimento secundário,
  • Epiderme: Tecido formado apenas por uma camada celular, seu formato é achatado, o seu tecido apresenta revestimento jovens, como folhas, caule, raiz, e também tem o poder de grande proteção de agressões externas.

Além desses revestimentos citados, há outros que tem grandes funções, como o Estômatos, que tem como função de trocar os gases e a água, entre as plantas e folhas, as Tricomas, protege contra a perda de liquido das plantas que se localizam em regiões quentes, de altas temperaturas, Acúleos, protegem as plantas contra agentes externos, exemplo, predadores, Hidatódios, protege contra o excesso de liquido da planta, diferentemente das Tricomas, e a Colênquima, é um tecido responsável pela sustentação do vegetal, por esse fato, pode ser comparada a cartilagem que está presente em animais, pelo fato da sustentação do vegetal, sua principal função, e a Parênquimas, que produz a fotossíntese, além de outros tecidos que valem a pena ser estudados.