<

Cultura Brasileira


Podemos afirmar que a cultura brasileira é uma consequência de mistura de vários grupos étnicos, neste artigo vamos falar um pouso cobre isso, confira:

A língua é um dos elementos mais fortes da unidade nacional do Brasil, sendo o português a língua falada em quase 100% da população.

As únicas exceções são alguns membros de grupos ameríndios e bolsos de imigrantes (principalmente do Japão e da Coréia do Sul), que ainda não aprenderam o português. As principais famílias das línguas indígenas são Tupí, Arawak, Carib e Gê.

Há diferença entre o português falado no Brasil e o falado em Portugal comparável às diferenças de inglês falado nos Estados Unidos e o falado no Reino Unido. No Brasil, não há dialetos do português, mas apenas variação regional moderada em sotaque, vocabulário e uso de nomes pessoais, pronomes e conjugações verbais. Variações tendem a diminuir como resultado da mídia de massa, especialmente as redes de televisão nacionais que são vistas pela maioria dos brasileiros.

A Cultura Brasileira e a sociedade

Religião e Crenças:

  • O Brasil é predominantemente um país católico romano com cerca de 65% da população afiliada à religião.
  • As crenças e práticas do catolicismo tendem a variar em todo este vasto país, particularmente nas áreas rurais, onde os santos da Igreja são honrados com um voto de peregrinação.
  • Quando os portugueses colonizaram o Brasil, trouxeram com eles a religião que se reunia com as tradições religiosas da população indígena e dos escravos africanos, dando lugar a práticas sincréticas em algumas áreas.
  • O símbolo da afiliação religiosa do Brasil é a estátua colossal do Cristo Redentor, que fica no topo do Monte Corcovado, no Rio de Janeiro.

Celebrações Principais / Celebrações Seculares:

  • 1º de janeiro – dia de ano novo
  • 21 de abril – Tiradentes – O aniversário de Joaquim José da Silva Xavier (conhecido como Tiradentes); um mártir nacional que liderou a inconfidência Mineira, que constituiu uma tentativa revolucionária de obter a independência em 1789
  • Domingo de Páscoa e Sexta-feira Santa – As datas variam a cada ano, uma vez que são orientadas pelo calendário lunar. Em algumas partes do Brasil a Páscoa é comemorada no outono
  • 1º de maio – dia de trabalho
  • 7 de setembro – Dia da Independência (baseado na declaração de independência de Portugal em 1822)
  • 12 de outubro – dia das crianças
  • 2 de novembro – Dia dos Mortos
  • 15 de novembro – Dia da Proclamação da República – (lembra o fim do Império e o início da República Brasileira em 1889)
  • 25 de dezembro – dia de Natal.

A família:

  • A família é de suma importância para o povo brasileiro e os filhos crescidos geralmente permanecem com os pais até se casarem.
  • Os membros da família extensa tendem a manter laços estreitos uns com os outros e os pais idosos são cuidados, muitas vezes vivendo com um de seus filhos.
  • Historicamente, o tamanho das famílias era muito grande, mas nas últimas décadas as pessoas estão tendo menos filhos, especialmente nas áreas mais urbanas.
  • Da mesma forma, o casamento era muito mais uma observância religiosa e legalmente vinculante. No entanto, nas últimas quatro décadas, as atitudes mudaram e o casamento civil está se tornando mais comum.
  • O divórcio não foi legalizado até 1977 devido à oposição da Igreja Católica.

Estratificação social:

• Apesar da mistura de etnias, existe um sistema de classes no Brasil.

  • A discriminação social com base na cor da pele é uma ocorrência comum e, em geral, as pessoas com pele morena mais escura são economicamente e socialmente desfavorecidas.
  • As classes média e alta geralmente têm apenas uma interação breve com as classes mais baixas – que normalmente são compostas de empregadas domésticas, motoristas, etc.
  • Há uma grande disparidade nos diferenciais salariais e estilo de vida e aspirações sociais entre as diferentes classes
  • As mulheres, que compõem 40% da força de trabalho brasileira, são tipicamente encontradas em empregos menos remunerados, como ensino, apoio administrativo e enfermagem.
  • A Constituição de 1988 proíbe a discriminação contra as mulheres, mas as desigualdades ainda existem. O único lugar onde as mulheres estão alcançando a igualdade está no governo.

Socialização:

  • Como um dos maiores países do mundo, a criação de filhos no Brasil depende muito da diversidade de classes, culturas e raças e das diferenças socioeconômicas em todo o país.
  • As oportunidades educacionais e o desenvolvimento social tendem a concentrar-se nas áreas urbanizadas, principalmente localizadas no sudeste do país.
  • A diversidade cultural do Brasil emana das várias populações de imigrantes nos últimos trezentos anos, incluindo os portugueses que colonizaram o país e outros povos europeus, escravos japoneses, chineses e africanos. Os aspectos da socialização, portanto, variam consideravelmente entre os grupos. Embora existam algumas trocas culturais, depende muito da etnicidade.
  • Embora a educação no Brasil seja obrigatória entre as idades de 6 anos e 14 anos, os recursos de financiamento tendem a se concentrar nas áreas urbanas e muitos grupos são desfavorecidos social e economicamente, portanto, têm pouco acesso a educação adicional.

Comida:

  • Devido a séculos de imigração, a culinária brasileira e varia em todas as regiões e abrange influências da África, Ásia, Oriente Médio, Italiano, Espanhol, Ameríndia, China e Japão.
  • Arroz e feijão são grampos de dieta, juntamente com especiarias, carne, frutas frescas, legumes e peixe.
  • Feijoada é uma grande favorita do povo brasileiro e foi trazida para o país com os escravos africanos. É um ensopado de feijão preto contendo carne de porco e comido com arroz.
  • Os mercados de rua (Feira) são uma característica popular em todas as áreas do Brasil. Eles oferecem uma ampla seleção de alimentos, incluindo o Pastel popular e versátil, que é uma crosta de pastelaria contendo vários recheios, quer doce ou salgado e frito. Os ingredientes podem variar de frango picado, camarão, queijo a frutas macias, banana ou chocolate.
  • A Coxinha, popular nos mercados, contém frango picado, envolto em massa e moldado na forma de uma perna de frango antes de ser frito.
  • Kibeh é outro prato de lanche frito com influências do Oriente Médio contendo carne, alho, cebola, canela e hortelã misturada com trigo de bulgur.
  • Outros pratos favoritos incluem o gaúcho Rodizio, que é carne grelhada em espetos e Moqueca de Peixe, um ensopado de peixe com cebola, tomate, alho, coentro cozido em leite de coco.

Economia:

  • O Brasil vem passando por uma grave crise financeira desde 2015, muito do que tem sido associado ao escândalo político que levou ao impeachment de Dilma Rousseff, a Presidente, em 2016.
  • Apesar das medidas rigorosas introduzidas por Michel Temer, o novo presidente, a recuperação é lenta.
  • De acordo com o Banco Mundial, a taxa de crescimento anual do PIB ficou em -3,6% em 2016 e o ​​produto interno bruto em 2016 – 1,796 trilhão de dólares.

Artes, Humanidades e Cultura Popular:

  • O Brasil tem uma tapeçaria historicamente rica de tradições folclóricas, música, dança, arte e literatura que emana da variada mistura de culturas introduzida ao longo dos séculos.
  • Os brasileiros são famosos por seu amor pela dança e música com festivais regulares acontecendo; o mais famoso é o festival do Brasil realizado no Rio de Janeiro a cada ano, com festividades acontecendo durante um período de cinco dias.
  • O Brasil também é conhecido por aqueles amados por danças que atraem todas as idades, a bossa nova e o samba.
  • O Brasil incentiva e financia a arte em todo o país e possui diversos museus, sendo o mais notável de todos o que é o Centro de Cultura de São Paulo.
  • Em todo o país, o folclore local é celebrado e preservado entre os vários grupos étnicos e culturais

O Brasil produziu muitos grandes escritores, incluindo:

  • Euclides da Cunha (1866 – 1909), jornalista conhecido por seus trabalhos relacionados à turbulência política no país. Seu trabalho mais conhecido: “Backlands” é um romance clássico que foi escrito em 1902 e ainda está em exibição hoje.
  • Jorge Amado (1912 – 2001) é um dos autores mais amados do Brasil, conhecido por seu senso de humor. Seus títulos mais conhecidos são Dona Flôr e seus Dois Maridos, Gabriela, Cravo e Cinamon

Muitos artistas contemporâneos do Brasil fizeram seu nome globalmente:

  • Albano Alfonso – nascido em 1964, que trabalha com uma mistura eclética de materiais através da fotografia, pintura e cinema. Ele fez sua estréia no Centro de Cultura em São Paulo.
  • Fernanda Quinderé é uma artista feminina, nascida em 1979 e indicada ao prêmio Pipa em 2013. O Prêmio Pipa foi lançado em 2010 com o objetivo de homenagear artistas contemporâneos brasileiros.

O Brasil também produziu muitos músicos, tanto clássicos como jazz e dança latina.

  • Chico Buarque, alcançou recordes de sucesso nos anos 1960 com canções que incluíam mensagens políticas dirigidas novamente à ditadura militar na época.
  • Tim Maia se tornou popular na década de 1970, quando trouxe a Soul para o MIX da música brasileira. 

Cultura Brasileira – Quem é brasileiro, cultura?

Aula da disciplina Cultura Brasileira do Curso de Licenciatura em Ciências da Universidade Virtual

Resumo sobre a Cultura Brasileira em PDF

Sempre pensando em facilitar para vocês, (leitores do educação e transformação), nós resolvemos disponibilizar todo o Resumo sobre a Cultura Brasileira para download em PDF.

Para ter acesso ao material, confira o link a seguir e baixe: