<

Feromônios: o que é?


A palavra feromônio vem do grego, que significa transmitir, excitar. Os feromônios são substancias químicas utilizadas na comunicação, interação e atração entre seres da mesma espécie, pode também ser conhecida por feromonas.

FEROMÔNIOS, O QUE É?

Os feromônios geralmente estão mais presentes em animais, essa substancia é secretada por mamíferos e alguns insetos, a mesma foi descoberta pelo cientista Adolf Butenaldt e seu companheiro Peter Kalson, os feromônios que são exalados possibilitam a atração sexual entre espécies intra-especificais, ou seja, espécies de classes diferentes.

Existem diversos tipos de Feromônios: Como de alerta, ataque, sexual, trilha, vamos conhecer um pouquinho de cada um deles?

Alerta: O feromônios de alerta tem a grande responsabilidade de alertar e avisar da chegada e presença de predadores que podem atacar a qualquer momento sua presa, com isso possibilita que os animais possam encontrar abrigos para se esconderem do perigo, estão presentes principalmente nas formigas.

TRILHA: O feromônios de trilha é de grande ajuda na localização e indicação de caminhos, ou seja, se você está perdido ou está procurando a localização utilize seus feromônios poderosos, nos casos dos animais, muitas das vezes servem para localizar ovos que foram perdidos no meio do caminho, que pode ser denominado também de ovoposição.

ATAQUE: Geralmente os feromônios de ataque ou feromônios de agregação ocorre na junção de espécies para organizar certo ataque em um cenário de perigo, esse cenário pode ser a presença de organismos estranhos, ou até mesmo no quesito alimentação, esse tipo de ataque é muito freqüente ocorrer em abelhas, que são guiadas por outros insetos para a procura de alimento.

SEXUAL: Quando há interação entre duas espécies, despertando a atração sexual, que pode ocorrer também em nós seres humanos, podendo ser denominado de feromônios do amor, aquele famoso cheiro de amor no ar? Então

Como sabemos os animais são mais propícios a ter os feromônios, algumas espécies de insetos podem ser mais sensíveis a essa substancia química, ou seja, uma pequena quantidade química pode alterar toda estrutura do animal, causando excitação imediata, temos como exemplo a mariposa, que consegue sentir o cheiro a 20 km de distancia, incrível não é?  E as abelhas não ficam por baixo, impressionam ainda mais na capacidade de captar cheiros, podem sentir a mais de 16 km de distancia.

Veja também:

OS SERES HUMANOS TÊM A PRESENÇA DE FEROMÔNIOS?

Os feromônios nos seres humanos pode ser denominado naquela famosa química, sabe a química perfeita entre casais que é tão falado, ou até mesmo almas gêmeas? Isso pode ser o feromônios agindo, o feromônios pode agir no beijo, no toque, no simples abraço e principalmente na relação sexual.

Os feromônios são identificados através do olhar, do cheiro, dos gestos e principalmente através da sedução, os especialistas explicam que é uma espécie de uma mistura química que possibilita essas reações, e não, essa substancia infelizmente não é vendida em frascos.

Os neurocientistas ainda estão se aprofundando no estudo dos feromônios nos seres humanos, mas ele pode estar presente no subconsciente e ser captado pelo nariz, essas reações são transmitidas na região do cérebro, chamada de hipotálamo, relacionada diretamente com a glândula pineal, podendo ocasionar:

  • Interesse do homem por outra mulher ou ambos os sexos, denominada de atração física no meio de tantas outras pessoas, sabe aquela cena de filme em que há duas pessoas no meio da multidão e do nada rola uma atração imediata, pois é isso são os feromônios agindo.
  • Sabe quando o ciclo menstrual bate com outras mulheres? Isso acontece pela ação dos feromônios, através da convivência diária com essas pessoas
  • Maior desejo sexual durante o período menstrual

Os feromônios tem a sua primeira presença marcada na fase da puberdade, no inicio da produção de testosterona e estrógeno.

A pratica de exercícios físicos, são extremamente necessários para se viver bem, libera também os feromônios e hormônios s positivos, como adrenalina, endorfina, entre outras.

A ingestão de zincos ajuda na liberação de feromônios, um mineral de grande importância na nossa saúde, auxiliando até nos casos que infertilidade. Podemos encontrar o zinco em queijos, leite, cereais, iogurte, enfim, em muitos alimentos.

Suplementos também pode ser um grande aliado na hora de produzir feromônios, claro, é extremamente necessário ter uma indicação médica para o uso, um grande suplemento que ajuda nessa liberação é O DHEA (dehidroepiaandrosterona) baita palavrão, banhos quentes também pode ser uma grande aliada.

Muitos apontam que o feromônios não é um hormônio propriamente produzido pelo corpo e sim pelo cheiro, ou seja, é uma fragrância individual de cada pessoa, em alguns casos, essa sensibilidade do feromônios pode diminuir devido a fatores externos, como:

  • Como a utilização diária de perfumes e cremes
  • Sabonetes
  • Roupas
  • Desodorantes
  • Todos esses fatores criam uma espécie de barreira que ofusca os feromônios, não conseguindo captar com precisão.

Os feromônios além de tudo podem ocasionar a união, isso mesmo, pois o feromônios reage à sintonia das pessoas, como explica esse neurologista.

““ A ciência defende que a atração entre as pessoas seja fruto de uma sintonia entre essa conjunção de fatores que determina os feromônios. As pessoas sentem vontade de ficarem mais próximas, de ficarem juntas, quando valorizam o conceito da sexualidade. Os “feromônios, além de serem os primeiros sinais, influenciam até na decisão de o casal permanecer junto por mais tempo” (Dr.Pravatto Júnior)

CURIOSIDADES

  • Alguns perfumes prometem possibilitar o efeito dos feromônios no corpo humano, mas cientistas negam e reafirmam que isso é praticamente impossível de acontecer, pois é algo totalmente natural
  • Mas em contrapartida, se uma pessoa usa um perfume que se adéqua perfeitamente em sua pele, pode sim exalar feromônios, isso explica o caso de alguns perfumes que caem perfeitamente bem em algumas pessoas e outras nem tanto
  • Elas também estão presentes na agricultura como armadilha, no controle de infestações de insetos e outras praças em plantações de lavoura

Como podemos notar o feromônio é uma substancia que pode ocasionar diversas reações nos animais e em nós seres humanos, e podendo ir além da relação amorosa, e sim na relação de amizade e de empatia com outras pessoas, o feromônio não vende e muito menos se compra, é pessoal e único em cada pessoa. Que tal ativá-los com mais freqüência no dia a dia, fica a dica.


você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.