Ratificar ou retificar?


Já ficou na dúvida se a palavra certa é ratificar ou retificar? Relaxa! É normal ter dúvidas em relação a essas palavras visto que são parônimas, ou seja, são parecidas tanto na grafia quanto na pronúncia. Porém, o significado de ambas é diferente.

Ratificar significa confirmar o que foi dito anteriormente. Retificar tem o sentido de corrigir ou alinhar algo que foi dito ou feito.

Veja alguns exemplos de frases com a palavra ratificar:

  • O advogado ratificou as informações. O processo pode seguir normalmente. (reiterou, confirmou)
  • Eu ratifico o que foi dito anteriormente. (confirmo)
  • O presidente ratificou as promessas em seu novo discurso. (confirmou, atestou)

Veja alguns exemplos com a palavra retificar:

  • O juiz retificou a sentença. (modificou, corrigiu)
  • O mecânico retificou o câmbio do carro. (concertou)
  • Tenho que retificar a planilha de serviços executáveis. (corrigir)

Diferenças retificar e ratificar

Retificar sempre vai se referir a concertar algo. Lembra-se da retífica de motores? Já se perguntou por que o estabelecimento recebe esse nome? Porque retífica vem do verbo “retificar”, que quer dizer ajustar, concertar, corrigir, concertar.

Por serem parônimas, as palavras recebem semelhanças na grafia e pronuncia, porem recebem significados diferentes, e isso causa um pouco de confusão. Muitas vezes, sem saber, as pessoas utilizam as duas palavras em contextos diferentes do que realmente querem dizer.

As duas palavras estão escritas corretamente e fazem parte do vocabulário de língua portuguesa. A troca de um fonema é o que diferencia as duas ( o /a/ por /e/).

Veja mais em:

Xingar ou chingar

Catorze ou quatorze

Trouxe ou trousse

Significado de ratificar

Ratificar, portanto, refere-se a confirmar a veracidade de algo, comprovar, validar ou reafirmar.

Mais exemplos com o uso da palavra:

  • A professora irá ratificar a data da prova. (confirmar)
  • Todos os itens que foram pedidos nessa lista estão ratificados. (validar)
  • Eu ratifico tudo que foi dito anteriormente. (reafirmar)

A palavra ratificar sempre pressupõe o sentido de comprovação, aprovação ou confirmação com o que já foi feito, dito ou prometido. Esse termo “ratificar” é muito utilizado em contratos, convenções, tratados e documentos jurídicos.

Significado de retificar

No caso da palavra retificar, sempre estará associada ao ato de corrigir, concertar, emendar, alinhar, endireitar ou tornar reto.

Outros exemplos com a palavra retificar:

  • As informações incorretas serão retificadas. (corrigir)
  • É preciso retificar a quinta cláusula do contrato. (corrigir)

No Direito, é comum o uso da palavra retificar para indicar correções na lei ou nos fundamentos de uma decisão. É muito comum também o uso da palavra associada a carros e concertos de automóveis.

Em geometria, a palavra retificar refere-se à extensão de um arco em uma curva. Na química, significa purificar através de destilação. Já no caso da eletrônica, retificar significa alternar a corrente continua.

Etimologia retificar e ratificar

A palavra ratificar (confirmar) vem do latim “ratificare” que quer dizer comprovar, validar.

Na idade Média, muitos utilizavam essa palavra para confirmar alguma coisa, principalmente entre os padres e nobres.

A palavra retificar também tem origem do latim, porém é proveniente do verbo “facere”, que significa fazer e rectus “certo, correto, acertado”.

Significado ratificar segundo o dicionário

O dicionário online de português define a palavra ratificar da seguinte maneira:

  • Fazer a confirmação ou validação de; CONFIRMAR; VALIDAR [td. : Ratificar uma promessa.] [tdr. + em : Apesar das denúncias, ratificaram o novo diretor no cargo.]
  • Comprovar, corroborar [td. : A crise ratificou as previsões da imprensa.]
  • Comprovar o que foi declarado; REAFIRMAR [td. : O deputado ratificou suas declarações da véspera.]
  • Jur. Comprovar a validade de um compromisso, juridicamente assumido [td. ]
  • [F.: Do lat. medv. ratificare. Hom./Par.: ratificáveis (fl.), ratificáveis (pl. de ratificável [a2g.]); ratificar (v.), retificar (todas as fl.).]
  • Ratificação é o processo pelo qual uma legislação ou tratado passa a ter efeito legal vinculativo para as suas entidades signatárias.[1] Para ser ratificado, o tratado ou lei necessita receber uma maioria de votos da Casa Legislativa, ou de países, no caso de tratados internacionais. O processo de ratificação, geralmente, exige a publicação em um Diário Oficial, de forma que a população possa tomar conhecimento de seu teor.
  • Etimologia – “Ratificar” é formado pela junção do elemento de composição “rat(i)” (calculado, confirmado) e do sufixo “-ficar” (ação factitiva, clarificar, mitificar, petrificar).

Convenções internacionais ratificadas pelo Brasil

Segue abaixo algumas convenções internacionais que foram ratificadas (confirmadas, validadas e reafirmadas) em nosso país. Informações extraídas do site http://fnttaa.org.br:

  • Relativa ao Emprego das Mulheres antes e depois do parto (Proteção à Maternidade) 1919 26/04/1934 – Não está em vigor –  Denunciada, como resultado da ratificação da Convenção n.º 103 em 26.07.1961;
  • Relativa ao Trabalho Noturno das Mulheres/ 1919 – 26/04/1934 -Não está em vigor Denunciada em 12.05.1937;
  • Idade Mínima de Admissão nos Trabalhos Industriais / 1919 – 26/04/1934 -Não está em vigor /Denunciada, como resultado da ratificação da Convenção n.º 138 em 28.06.2001;
  • Trabalho Noturno dos Menores na Indústria / 1919 – 26/04/1934 – Em vigor Instrumento pendente de revisão;
  • Sobre a Idade Mínima para Admissão de Menores no Trabalho Marítimo (Revista em 1936) 1920 / 08/06/1936 – Não está em vigor / Denunciada, como resultado da ratificação da Convenção n.º 58 em 09.01.1974;
  • Direito de Sindicalização na Agricultura; 1921 -25/04/1957 / Em vigor /Instrumento em situação provisória;
  • Indenização por Acidente do Trabalho na Agricultura; 1921 -25/04/1957 / Em vigor Instrumento em situação provisória;
  • Repouso Semanal na Indústria 1921; 25/04/1957 – Em vigor /Instrumento atualizado
  • Exame Médico de Menores no Trabalho Marítimo -1921 /08/06/1936 – Em vigor Instrumento pendente de revisão;
  • Igualdade de Tratamento (Indenização por Acidente de Trabalho); 1925 – 25/04/1957    Em vigor /Instrumento em situação provisória;
  • Inspeção dos Emigrantes a Bordo dos Navios  / 1926 – 18/06/1965 /Em vigor Deixado de lado (não é pertinente no contexto atual);
  • Contrato de Engajamento de Marinheiros / 1926 – 18/06/1965; Em vigor Instrumento pendente de revisão;
  • Métodos de Fixação de Salários Mínimos / 1928 – 25/04/1957 -Em vigor Instrumento em situação provisória;
  • Trabalho Forçado ou Obrigatório / 1930 – 25/04/1957 – Em vigor Instrumento atualizado;
  • Relativa ao Trabalho Noturno das Mulheres (Revista, 1934) – 1934 – 08/06/1936 Não está em vigor/ Denunciada, como resultado da ratificação da Convenção n.º 89 em 24.04.1957;

Também recomendamos a leitura deste outro artigo: Estória ou história.


você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.