<

Ratificar ou retificar?


Já ficou na dúvida se a palavra certa é ratificar ou retificar? Relaxa! É normal ter dúvidas em relação a essas palavras visto que são parônimas, ou seja, são parecidas tanto na grafia quanto na pronúncia. Porém, o significado de ambas é diferente.

Ratificar significa confirmar o que foi dito anteriormente. Retificar tem o sentido de corrigir ou alinhar algo que foi dito ou feito.

Veja alguns exemplos de frases com a palavra ratificar:

  • O advogado ratificou as informações. O processo pode seguir normalmente. (reiterou, confirmou)
  • Eu ratifico o que foi dito anteriormente. (confirmo)
  • O presidente ratificou as promessas em seu novo discurso. (confirmou, atestou)

Veja alguns exemplos com a palavra retificar:

  • O juiz retificou a sentença. (modificou, corrigiu)
  • O mecânico retificou o câmbio do carro. (concertou)
  • Tenho que retificar a planilha de serviços executáveis. (corrigir)

Diferenças retificar e ratificar

Retificar sempre vai se referir a concertar algo. Lembra-se da retífica de motores? Já se perguntou por que o estabelecimento recebe esse nome? Porque retífica vem do verbo “retificar”, que quer dizer ajustar, concertar, corrigir, concertar.

Kit de Alfabetização Só Escola

Por serem parônimas, as palavras recebem semelhanças na grafia e pronuncia, porem recebem significados diferentes, e isso causa um pouco de confusão. Muitas vezes, sem saber, as pessoas utilizam as duas palavras em contextos diferentes do que realmente querem dizer.

As duas palavras estão escritas corretamente e fazem parte do vocabulário de língua portuguesa. A troca de um fonema é o que diferencia as duas ( o /a/ por /e/).

Veja mais em:

Xingar ou chingar

Catorze ou quatorze

Trouxe ou trousse

Significado de ratificar

Ratificar, portanto, refere-se a confirmar a veracidade de algo, comprovar, validar ou reafirmar.

Mais exemplos com o uso da palavra:

  • A professora irá ratificar a data da prova. (confirmar)
  • Todos os itens que foram pedidos nessa lista estão ratificados. (validar)
  • Eu ratifico tudo que foi dito anteriormente. (reafirmar)

A palavra ratificar sempre pressupõe o sentido de comprovação, aprovação ou confirmação com o que já foi feito, dito ou prometido. Esse termo “ratificar” é muito utilizado em contratos, convenções, tratados e documentos jurídicos.

Significado de retificar

No caso da palavra retificar, sempre estará associada ao ato de corrigir, concertar, emendar, alinhar, endireitar ou tornar reto.

Outros exemplos com a palavra retificar:

  • As informações incorretas serão retificadas. (corrigir)
  • É preciso retificar a quinta cláusula do contrato. (corrigir)

No Direito, é comum o uso da palavra retificar para indicar correções na lei ou nos fundamentos de uma decisão. É muito comum também o uso da palavra associada a carros e concertos de automóveis.

Em geometria, a palavra retificar refere-se à extensão de um arco em uma curva. Na química, significa purificar através de destilação. Já no caso da eletrônica, retificar significa alternar a corrente continua.

Etimologia retificar e ratificar

A palavra ratificar (confirmar) vem do latim “ratificare” que quer dizer comprovar, validar.

Na idade Média, muitos utilizavam essa palavra para confirmar alguma coisa, principalmente entre os padres e nobres.

A palavra retificar também tem origem do latim, porém é proveniente do verbo “facere”, que significa fazer e rectus “certo, correto, acertado”.

Significado ratificar segundo o dicionário

O dicionário online de português define a palavra ratificar da seguinte maneira:

  • Fazer a confirmação ou validação de; CONFIRMAR; VALIDAR [td. : Ratificar uma promessa.] [tdr. + em : Apesar das denúncias, ratificaram o novo diretor no cargo.]
  • Comprovar, corroborar [td. : A crise ratificou as previsões da imprensa.]
  • Comprovar o que foi declarado; REAFIRMAR [td. : O deputado ratificou suas declarações da véspera.]
  • Jur. Comprovar a validade de um compromisso, juridicamente assumido [td. ]
  • [F.: Do lat. medv. ratificare. Hom./Par.: ratificáveis (fl.), ratificáveis (pl. de ratificável [a2g.]); ratificar (v.), retificar (todas as fl.).]
  • Ratificação é o processo pelo qual uma legislação ou tratado passa a ter efeito legal vinculativo para as suas entidades signatárias.[1] Para ser ratificado, o tratado ou lei necessita receber uma maioria de votos da Casa Legislativa, ou de países, no caso de tratados internacionais. O processo de ratificação, geralmente, exige a publicação em um Diário Oficial, de forma que a população possa tomar conhecimento de seu teor.
  • Etimologia – “Ratificar” é formado pela junção do elemento de composição “rat(i)” (calculado, confirmado) e do sufixo “-ficar” (ação factitiva, clarificar, mitificar, petrificar).

Convenções internacionais ratificadas pelo Brasil

Segue abaixo algumas convenções internacionais que foram ratificadas (confirmadas, validadas e reafirmadas) em nosso país. Informações extraídas do site http://fnttaa.org.br:

  • Relativa ao Emprego das Mulheres antes e depois do parto (Proteção à Maternidade) 1919 26/04/1934 – Não está em vigor –  Denunciada, como resultado da ratificação da Convenção n.º 103 em 26.07.1961;
  • Relativa ao Trabalho Noturno das Mulheres/ 1919 – 26/04/1934 -Não está em vigor Denunciada em 12.05.1937;
  • Idade Mínima de Admissão nos Trabalhos Industriais / 1919 – 26/04/1934 -Não está em vigor /Denunciada, como resultado da ratificação da Convenção n.º 138 em 28.06.2001;
  • Trabalho Noturno dos Menores na Indústria / 1919 – 26/04/1934 – Em vigor Instrumento pendente de revisão;
  • Sobre a Idade Mínima para Admissão de Menores no Trabalho Marítimo (Revista em 1936) 1920 / 08/06/1936 – Não está em vigor / Denunciada, como resultado da ratificação da Convenção n.º 58 em 09.01.1974;
  • Direito de Sindicalização na Agricultura; 1921 -25/04/1957 / Em vigor /Instrumento em situação provisória;
  • Indenização por Acidente do Trabalho na Agricultura; 1921 -25/04/1957 / Em vigor Instrumento em situação provisória;
  • Repouso Semanal na Indústria 1921; 25/04/1957 – Em vigor /Instrumento atualizado
  • Exame Médico de Menores no Trabalho Marítimo -1921 /08/06/1936 – Em vigor Instrumento pendente de revisão;
  • Igualdade de Tratamento (Indenização por Acidente de Trabalho); 1925 – 25/04/1957    Em vigor /Instrumento em situação provisória;
  • Inspeção dos Emigrantes a Bordo dos Navios  / 1926 – 18/06/1965 /Em vigor Deixado de lado (não é pertinente no contexto atual);
  • Contrato de Engajamento de Marinheiros / 1926 – 18/06/1965; Em vigor Instrumento pendente de revisão;
  • Métodos de Fixação de Salários Mínimos / 1928 – 25/04/1957 -Em vigor Instrumento em situação provisória;
  • Trabalho Forçado ou Obrigatório / 1930 – 25/04/1957 – Em vigor Instrumento atualizado;
  • Relativa ao Trabalho Noturno das Mulheres (Revista, 1934) – 1934 – 08/06/1936 Não está em vigor/ Denunciada, como resultado da ratificação da Convenção n.º 89 em 24.04.1957;

Também recomendamos a leitura deste outro artigo: Estória ou história.